Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Visitas encenadas em Pinhel

por Correio da Guarda, em 16.07.19
 
     Em Pinhel vão ter de novo lugar as visitas encenadas, agendadas já para os dias 20 e 27 de julho, com início junto ao Posto de Turismo.
    Trata-se de uma organização conjunta da Câmara Municipal de Pinhel e o Teatro do Imaginário, 
no âmbito do projeto "Cultura em Rede das Beiras e Serra da Estrela".
 

Visitas encenadas.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:11

Visitas guiadas na Guarda

por Correio da Guarda, em 10.08.13

    

   Na Guarda continuam a decorrer as visitas encenadas no âmbito da iniciativa denominada "Passos à Volta da Memória".

    Ao ritmo de uma sessão por dia, sempre às 17h30 (até 31 de Agosto, e de terça a sábado) as visitas (gratuitas) têm como ponto de encontro a Praça Luís de Camões.

    Este ano é Augusto Gil – autor da conhecida Balada da Neve – o guia da iniciativa, ou melhor, um comediante que interpretará o escritor.

    Com o sub-título “Um poeta na cidade”, o percurso tem início numa casa onde viveu o poeta, localizada na rua com o seu nome por detrás dos balcões da Praça Velha.

    As visitas encenadas contam com a coordenação de Américo Rodrigues, com o texto e a encenação de Antónia Terrinha e com a interpretação actor André Amálio.

    Trata-se de uma produção da Culturguarda para a Câmara Municipal da Guarda.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:51

Passos na Guarda, à volta da Memória

por Correio da Guarda, em 16.07.13

 

    Na Guarda continuam a decorrer as visitas encenadas no âmbito da iniciativa denominada "Passos à Volta da Memória".

    Ao ritmo de uma sessão por dia, sempre às 17h30 (e até 31 de Agosto, e de terça a sábado) as visitas (gratuitas) têm como ponto de encontro a Praça Luís de Camões.

    Este ano é Augusto Gil – autor da conhecida Balada da Neve – o guia da iniciativa, ou melhor, um comediante que interpretará o escritor.

    Com o sub-título “Um poeta na cidade”, o percurso tem início numa casa onde viveu o poeta, localizada na rua com o seu nome por detrás dos balcões da Praça Velha.

    As visitas encenadas contam com a coordenação de Américo Rodrigues, com o texto e a encenação de Antónia Terrinha e com a interpretação actor André Amálio.

    Trata-se de uma produção da Culturguarda para a Câmara Municipal da Guarda.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:29

Visitas encenadas II

por Correio da Guarda, em 05.07.13

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:55

Visitas encenadas

por Correio da Guarda, em 05.07.13

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:25

Poeta guia visitas na Guarda

por Correio da Guarda, em 02.07.13

 

    

     Na Guarda iniciou-se hoje uma nova edição das visitas encenadas "Passos à Volta da Memória".

     Ao ritmo de uma sessão por dia, sempre às 17h30 (e até 31 de Agosto) as visitas (gratuitas) vão ter como ponto de encontro a Praça Luís de Camões.

     Este ano é Augusto Gil – autor da conhecida Balada da Neve – o guia da iniciativa, ou melhor, um comediante que interpretará o escritor.

     Com o sub-título “Um poeta na cidade”, o percurso tem início numa casa onde viveu o poeta, localizada na rua com o seu nome por detrás dos balcões da Praça Velha.

     As visitas encenadas contam com a coordenação de Américo Rodrigues, com o texto e a encenação de Antónia Terrinha e com a interpretação (excelente, diga-se) do actor André Amálio.

     Trata-se de uma produção da Culturguarda para a Câmara Municipal da Guarda.

     Reedita-se, assim, mais uma importante iniciativa que contribui, inquestionavelmente, para a (re)descoberta da cidade, convidando os participantes a viajarem pela história sempre com o olhar sobre presente…este, nalgumas situações (como se viu no decorrer da visita) exige uma outra atenção por parte das entidades e outrossim por parte do cidadão; é lamentável, por exemplo, que o espaço envolvente da Sé continue a ser utilizado para estacionamento automóvel ferindo um cenário que este tipo de visitas pode potencializar…é triste o estado de degradação visível nas edificações de algumas artérias citadinas…

     Mas, para além dos principais objectivos que estas têm – e a incidência tem sido diversificada – os percursos, para os quais são convidadas as pessoas, permitem um olhar atento sobre recantos e encantos desta cidade; de que muitos se alheiam, troçam ou preferem ignorar…contudo, esta cidade respira história e tem muitas estórias para contar, em cada rua, em cada placa toponímica (muitas degradadas…).

    Esta cidade tem espaços que convidam a uma diferente vivência, à sua fruição plena, a um profundo enriquecimento cultural; aliás estas visitas encenadas são isso mesmo e um reencontro de passado e presente.

     Quando projetos como este têm subjacente um texto equilibrado, leve, cativante, fundamentado factual e documentalmente, representado com emoção e profissionalismo, enquadrado pelo trabalho de uma equipa consciente da importância destas acções para a promoção da cidade, é compreensível o apreço e a satisfação registada no final da visita.

    Para além de cerca de duas horas de uma enriquecedora (e alegre…) visita, o participante é ainda obsequiado com uma reprodução do “Brinde- Baeta Dias” (1907), com “Versos do Ex.mo Sr. Dr. Augusto Gil, que muito graciosamente se dignou honrar este livro com a sua valiosa colaboração”.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:45

Na Guarda das Memórias

por Correio da Guarda, em 26.06.13

 

     Na Guarda vão decorrer entre 2 de Julho e 31 de Agosto as visitas encenadas "Passos à Volta da Memória".

     Ao ritmo de uma sessão por dia, sempre às 17h30, as visitas vão ter como ponto de encontro a Praça Luís de Camões.

     Nesta edição será Augusto Gil – autor da conhecida Balada da Neve – o guia da iniciativa, ou melhor, um comediante que interpretará o escritor.

     Com o sub-título “Um poeta na cidade”, o percurso da visita terá início na casa onde viveu o poeta, localizada na rua com o seu nome por detrás dos balcões da Praça Velha. Uma viagem pela história da cidade mais alta.

     As visitas encenadas contam com a coordenação de Américo Rodrigues, com o texto e a encenação de Antónia Terrinha e com a interpretação do actor André Amálio.

     Trata-se de uma produção da Culturguarda para a Câmara Municipal da Guarda.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:33


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

Contacto:

correiodaguarda@sapo.pt correio.da.guarda@gmail.com



Google +