Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Dia Mundial do Rádio

por Correio da Guarda, em 13.02.18

wrd2018_logo_PT_green.png

     O Dia Mundial do Rádio é hoje assinalado. Desde 2012 que esta data se constitui como oportunidade para assinalar a importância da radiodifusão sonora, quer como meio de informação, quer como agente de educação e cultura.

    Este ano, a UNESCO dedicou o Dia Mundial do Rádio ao tema da “radiodifusão desportiva. A rádio é um instrumento muito eficaz para transmitir o entusiasmo dos eventos desportivos. É também um meio para veicular valores de fair play, de trabalho de equipa, de igualdade no desporto”, escreveu a diretora geral, Audrey Azoula.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:50

Concurso de fotografia

por Correio da Guarda, em 06.01.18

 

      A Associação Geopark Estrrela vai promover mais um concurso de fotografia

    O IV Concurso de Fotografia do Aspiring Geopark Estrela está aberto a todos aqueles que queiram participar, de nacionalidade portuguesa ou estrangeira, devendo as fotografias submetidas serem captadas no território candidato a Geopark Mundial da UNESCO.

    Para o efeito, serão aceites registos fotográficos obtidos em qualquer ponto dos municípios que integram este Geopark (Belmonte, Celorico da Beira, Covilhã, Fornos de Algodres, Gouveia, Guarda, Manteigas, Oliveira do Hospital e Seia). Neste contexto, o objeto das fotografias pode ser distinto, tal como a diversidade geológica e biológica, paisagens, gentes e cultura, atividades de lazer e aventura, entre outros, que retratem a identidade deste território.

    O grande objetivo deste concurso é captar a diversidade natural e cultural desta geografia, que tem na Serra da Estrela o seu principal património.

BannerIVConcursoFotografia.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:05

Sistemas de Informação Geográfica e Geoturismo

por Correio da Guarda, em 06.02.17

 

 

     A Associação Geopark Estrela vai promover, nos dias 11, 18 e 25 de Março de 2017, na Guarda, um curso em sistemas de Informação Geográfica e Geoturismo.

     Este curso pretende, para além de uma formação base na utilização de diferentes ferramentas SIG, dar a conhecer as potencialidades dos SIG para os trabalhos em Geoturismo.

     De referir que o Geoturismo se assume como um conjunto de práticas turísticas, de base territorial, assentes no potencial endógenos dos territórios onde ocorre, nomeadamente nos seus recursos abióticos, bióticos e culturais. Esta abordagem holística do território e do turismo fazem deste conceito uma nova oportunidade para muitas geografias. Neste sentido, o planeamento da atividade, a inventariação dos recursos disponíveis e a sua promoção são fatores determinantes para o sucesso destas estratégias, assentes no carácter geográfico dos lugares.

    Os Sistemas de Informação Geográfica constituem uma ferramenta importante de gestão, inventariação e representação da informação geográfica. A sua utilização no turismo em geral, e no geoturismo em particular, constitui uma mais-valia técnica e metodológica a utilizar por todos aqueles que trabalham, estudam e promovam territórios de geoturismo.

    O curso é destinado a Técnicos da área do turismo, património e desenvolvimento territorial; Técnicos de Geologia, Geografia e Biologia; Estudantes de Licenciaturas, Mestrados e Doutoramento; Técnicos de Geoparques Mundiais da UNESCO.  Mais informações aqui.

    O Aspiring Geopark Estrela constitui a candidatura da Serra da Estrela a Geopark Mundial da UNESCO, num território que inclui 9 municípios.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:10

Debate sobre a Serra da Estrela

por Correio da Guarda, em 16.11.16

 

     Na Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Instituto Politécnico da Guarda decorreu hoje, durante a tarde, um debate subordinado ao tema “Serra da Estrela – Uma Montanha de Conhecimento”.

    Tratou-se de uma iniciativa do Instituto Politécnico da Guarda e Associação Geopark Estrela. Para a organização, “a Serra da Estrela enquanto território de conhecimento, deve ser objeto de um conjunto de iniciativas, através de uma rede de responsabilidade social ancorada no estabelecimento de estratégias e parcerias que visem o fortalecimento do conhecimento e da identidade territorial, capacitando este território de uma maior atratividade e qualidade de vida”.

    Neste contexto, foi sublinhado que a criação de uma rede nacional de investigação de montanhas “contribui para a implementação das agendas mundiais de investigação para a sustentabilidade em áreas de Montanha, visando-se a inserção da Serra da Estrela nesta rede nacional e em redes europeias e mundiais”.

Debate sobre a Serra da Estrela.jpg

    Estiveram presentes a Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Fernanda Rollo, e a Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, Ana Abrunhosa, entre outras entidades.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:11

Dia Mundial do Rádio

por Correio da Guarda, em 13.02.16

 

     Hoje é comemorado o Dia Mundial do Rádio.

    Desde 2012 que esta data se constitui como oportunidade para assinalar a importância da rádio, quer como meio de informação, quer como agente de educação e cultura, que ainda como elo de aproximação com pessoas em situação de vulnerabilidade.

    Aliás, o tema proposto pela UNESCO, para este ano, é precisamente “A rádio em tempos de emergência e desastres”.

Dia Mundial da Rádio 2016- v.png

      No atual contexto mundial, e sob o cenário da crise de refugiados empurrados para o êxodo pela guerra, fome ou desastres climáticos, a rádio continua a ser o meio de comunicação que atinge o maior número de pessoas em todo o mundo, no menor espaço de tempo; facto que a torna fundamental nestes contextos.

    Criado pela UNESCO, o Dia Mundial da Rádio evoca a primeira emissão, em 1946, da United Nations Radio.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01

IPG dinamiza candidatura de Geoparque

por Correio da Guarda, em 22.09.15

 

     No Instituto Politécnico da Guarda (IPG) realizou-se, na passada quinta-feira, uma reunião de trabalho onde foi analisada a proposta de candidatura à UNESCO do Geopark Estrela.

image(1).png

     Para além do IPG estiveram representados municípios da Serra da Estrela (Manteigas, Celorico da Beira, Fornos de Algodres, Guarda, Gouveia, Seia, Oliveira do Hospital, Covilhã e Belmonte) e a Universidade da Beira Interior.

    Este encontro, na sequência de outros, contou com a participação da Coordenadora do Fórum Português de Geoparques (UNESCO), Elizabeth Silva, e do Presidente do Comité Nacional para o Programa Internacional das Geociências, Artur Sá.

    De referir que foi unânime o reconhecimento da importância desta classificação como indutora do desenvolvimento da Serra da Estrela, pelo que foi sublinhada a “necessidade de iniciar o mais rapidamente possível o processo de candidatura”; isto porque, como foi salientado, “os novos Programas de Geoparques Globais da UNESCO implicam um trabalho efetivo nos territórios, mesmo antes da sua classificação, com a definição de uma estrutura”.

    De destacar, ainda, a manifestação de interesse, evidenciada pela totalidade dos municípios, destacando a classificação do Geopark para a afirmação da marca Serra da Estrela.

   Como foi adiantado, nas próximas semanas vão ser dados “passos importantes na definição da estrutura de gestão do futuro geoparque e nas formas de financiamento”, tendo sido solicitados aos municípios contributos até ao final do corrente mês.

 

    Fonte: IPG

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:30

Exposição

por Correio da Guarda, em 10.02.15

 

     No Instituto Politécnico da Guarda vai estar patente, de 13 de Fevereiro a 31 de Março, a exposição “Rádio e Memórias”.

    Esta exposição é composta por diversificados modelos de recetores de rádio e outros equipamentos alusivos à atividade radiofónica.

    Com esta iniciativa o IPG pretende assinalar o Dia Mundial da Rádio (comemorado a 13 de Fevereiro) e mostrar antigos equipamentos relacionados com a produção ou receção das emissões hertzianas.

    Esta exposição, que decorrerá na Biblioteca Geral do Instituto Politécnico da Guarda, tem entrada livre.

    Criado pela UNESCO, o Dia Mundial da Rádio evoca a primeira emissão, em 1946, da United Nations Radio. Este ano o tema escolhido é “Juventude e Rádio”.

cartaz exposição.jpg

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:05

Museu do Côa assinala primeiro aniversário

por Correio da Guarda, em 30.07.11

 

     O Museu do Côa registou, desde a sua inauguração a 30 de Julho de 2010, cerca de 40 mil visitas, um número que agrada à tutela e à comunidade local.

     Ao chegar ao Museu do Côa os visitantes são surpreendidos, positivamente, pela arquitectura e cor do edifício, enquadrado na paisagem e sobranceiro ao rio que lhe dá o nome.

    Projectado por Tiago Pimentel e Camilo Rebelo, o museu ocupa uma área de seis mil metros quadrados, desenvolvendo-se ao longo de 190 metros e dando a ideia de uma enorme pedra de xisto.

     O visitante vai encontrar, através de um percurso linear, três salas de contextualização e de introdução à temática exposta. A conjugação da tecnologia da informação, do desenho e da fotografia é um traço visível no suporte da apresentação dos conteúdos do Museu.

    Seguem-se mais quatro salas dedicadas ao tratamento monográfico da arte rupestre existente naquela zona. Ali se encontram as réplicas de quatro gravuras rupestres, duas das quais em riscos de deterioração e as restantes submersas.

    Recorde-se que a identificação das gravuras rupestres do Paleolítico, no Vale do Côa, ocorreu em 1994, nascendo a discussão em torno da não construção da barragem que iria ocultar esse património. A UNESCO viria a classificar, em 1998, as gravuras do Vale do Côa como Património da Humanidade. O lançamento de um concurso internacional de ideias para o desenho do Museu viria a ocorrer apenas em 2005.

 

    Como está inscrito num dos painéis informativos colocados no seu interior, “o Museu do Côa é o lugar de partilha de conhecimento patrimonial e artístico necessário para colocar a região a sentir que faz parte de um património que sendo da Humanidade é, em primeira instância, de quem vive na sua vizinhança”. Terá sido este sentimento que motivou já a visita de muitas pessoas do concelho, da sede e freguesias.

   Contudo, os visitantes têm chegado de vários pontos do país e do estrangeiro.

   De realçar o facto de o concelho de Vila Nova de Foz Côa ser o único do país a possuir dois Patrimónios Mundiais (Gravuras Rupestres e Douro Vinhateiro).  H.S.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:28


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Contacto:

correiodaguarda@sapo.pt correio.da.guarda@gmail.com



Google +


Referenciar citações

Protected by Copyscape Website Copyright Protection




Error running style: Style code didn't finish running in a timely fashion. Possible causes: