Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Jornadas de Engenharia Informática

por Correio da Guarda, em 29.04.19

JEI2019.jpg

     No Instituto Politécnico da Guarda (IPG) vão realizar-se no próximo dia 2 de maio as Jornadas de Engenharia Informática.

   Trata-se de um evento anual organizado pelo Núcleo de Engenharia Informática e pela UTC de Informática do IPG, integrando palestras, workshops e visitas a laboratórios do Politécnico da Guarda.

    Estas Jornadas, que se realizam há mais de 16 anos, permitem a toda a comunidade participar num encontro inovador que tem como principal objetivo dar a conhecer as novas tecnologias de informação e comunicação, bem como os projetos realizados no IPG.

   Destinadas aos alunos do ensino superior, e à comunidade em geral, as JEI permitem uma atualização e aquisição de conhecimentos nas áreas referenciadas. O programa inicia-se pelas 9 horas com a sessão de abertura no auditório dos serviços centrais do Instituto Politécnico da Guarda. Inscrições aqui.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01

Egitúnica conquistou Mirandela

por Correio da Guarda, em 27.04.19

EGITÚNICA.jpg

     A Egitúnica – Tuna Feminina do Instituto Politécnico da Guarda conquistou oito prémios no III Festival Princesas do Tua, realizado em Mirandela, em 25 e 26 de Abril.

   A tuna guardense trouxe para o IPG os prémios Melhor Passa-Calles, Melhor Serenata, Melhor Pandeireta, Melhor Instrumental, Melhor Original, Melhor Solista, Tuna+Tuna e Melhor Tuna.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:58

"DC Electricity Distribution”: conferência no IPG

por Correio da Guarda, em 27.04.19

 

     No Instituto Politécnico da Guarda (IPG) vai decorrer, no próximo dia 7 de maio, uma conferência internacional subordinada ao tema “High Level Conference – DC Electricity Distribution”.

    Esta conferência, a iniciar pelas 9 horas no Auditório da Escola Superior de Tecnologia e Gestão do IPG, contará com a participação de especialistas mundiais nesta área científica, nomeadamente Bern Wunder (Group Manager “DC Micro Grids”) do Fraunhofer Institute da Alemanha e Mário Dionísio (Programme Officer, European Commission) da Direção Geral de Energia da União Europeia.

    Organizada pelo Centro de Investigação em Sistemas Electromecatrónicos (CISE), esta iniciativa ocorre no âmbito do projeto Tr@nsener (European Cooperation Network on Energy Transition in Electricity) em que participam instituições de Portugal, Espanha e França.

    O CISE é uma Unidade de I&D do sistema Científico português (reconhecido pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia) constituído por quatro laboratórios, estando um deles instalado na Escola Superior de Tecnologia e Gestão do IPG, denominado “Guarda International Research Station on Renewable Energies | GIRS-RES”.

    No âmbito dos estudos realizados foi possível concluir que para uma habitação típica de um país europeu é possível alcançar ganhos na ordem dos 40% se a alimentação dessa habitação for feita em corrente contínua ao invés de corrente alternada como acontece atualmente.

    Com dados que apontam para uma melhoria de 40% da eficiência energética, este projeto propõe a adoção de sistemas elétricos de corrente contínua em novas habitações e edifícios de escritórios.

   “O tema “DC Electricity Distribution” está na ordem do dia na União Europeia pelo que esta conferência, para além do seu destacado perfil científico, é um oportuno e importante evento”, afirmou, a propósito, o Presidente do Politécnico da Guarda, Joaquim Brigas.

   De referir o contributo do desenvolvimento de novos estudos que visam a análise da instalação de sistemas eficientes e fiáveis de distribuição de energia elétrica em corrente contínua para ambientes residenciais e de escritórios.

   “Atualmente, os sistemas de eletricidade dos edifícios tipicamente funcionam com corrente alternada. Esta realidade entra em contraste com os sistemas de alimentação e de armazenamento de energia dos nossos eletrodomésticos e baterias, pois estes funcionam em corrente contínua. A diferença entre estes dois sistemas leva a perdas de energia e a uma menor eficiência de consumo energético.” Foi sublinhado por Figueiredo Ramos, da organização desta conferência.

   A solução passa por uma mudança de paradigma que leve à instalação de sistemas de corrente contínua na construção de novos edifícios e habitações.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:00

Prémios para a Egitúnica

por Correio da Guarda, em 24.03.19

Prémios.jpg

    A Egitúnica-Tuna Feminina do Instituto Politécnico da Guarda (IPG) participou este fim de semana no II Maria da Fonte - Festival de Tunas Femininas de Coimbra.

    Neste festival, organizado pela Estudantina Feminina de Coimbra, a tuna guardense conquistou os prémios de Melhor Arranjo Musical e Melhor Simpatia (Tuna+Tuna).

Egitúnica em Coimbra .jpg

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:54

Celebrar a diversidade linguística e cultural

por Correio da Guarda, em 14.03.19

banner março linguas 2019 facebook (1).jpg

     No Instituto Politécnico da Guarda (IPG) vai decorrer, de 20 a 27 do corrente mês, o “Março das Línguas”. A sexta edição, organizada pela UTC de Línguas e Culturas, mantem o objetivo de celebrar a diversidade linguística e cultural.

    Do programa constam um conjunto de atividades diversificadas desde workshops e palestras, proferidas por docentes do IPG e por professores e artistas convidados, a concursos, exposições, instalações vídeo, karaoke multilingue, um desfile multicultural e a projeção de um filme selecionado para o prémio Sofia da Academia Portuguesa de Cinema.

    Durante uma semana, o objetivo é dar vivacidade às diferentes línguas e culturas, criar uma atmosfera de convívio e discussão, sensibilizando toda a comunidade para a importância e a riqueza cultural do conhecimento de outras línguas e culturas. No dia 20 terá lugar, pelas 14h30 (no auditório da ESECD) uma palestra sobre “A nova agenda cultural portuguesa no contexto europeu”; no Dia Mundial da Poesia (21 de março) haverá um recital de poemas em várias línguas (pelas 10h30, no auditório da ESECD), seguido da apresentação do livro “Sobre outra coisa aina – short-stories”, de Fernando Carmino Marques.

    Para o mesmo dia, pelas 14h30 (auditório da ESECD) está agendada a palestra “El mundo árabe em el mundo hispano”, enquanto, pelas 14 horas, na Escola Superior de Turismo e Hotelaria se inicia o “ciclo de cinema”; no auditório dos serviços centrais do IPG, pelas 16h30, será projetado um filme selecionado para o Prémio Sofia da Academia Portuguesa de Cinema.

No dia seguinte, 22 de Março, decorrerão as palestras “Viagens de Camilo Castelo Branco” (10h) e “Semelhanças e diferenças: where is le problème?” (11h), no auditório da Escola Superior de Educação, Comunicação e Desporto; para as 14h30 (igualmente na ESECD) está previsto o concurso “Línguas, arte e Cultura”, seguido da messa redonda “Working and living in another country part 2 (new incoming Erasmus students).

    O programa deste evento integra, no dia 25 de março, a palestra “ Descobrir os sons/desenhar a arte: percursos linguísticos no dizer da arte” (auditório da ESECD, pelas 14h30); no dia 26 a palestra “A língua portuguesa é traiçoeira. Se é!” (auditório da ESECD, 10h30) e a palestra “Afrofuturismo” (auditório ESECD, 14h30). No último dia do “Março das Línguas” decorrerá uma atividade de Karaoke (10h30, auditório da ESECD) e sessão de encerramento, na Escola Superior de Educação, Comunicação e Desporto.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:55

Apresentação de livro

por Correio da Guarda, em 16.02.19

 

     “Sobre outra coisa ainda – 13 short stories” é o título do livro de Fernando Carmino Marques (docente do Politécnico da Guarda) que vai ser apresentado na Guarda, no próximo dia 26 de fevereiro.

    A apresentação desta publicação será feita por Rosa Branca Figueiredo no café do Pequeno Auditório do Teatro Municipal da Guarda, pelas 18 horas. O livro, com a chancela da Edições Esgotadas, é composto por “treze shorts stories que se podem definir como de Realismo Mágico. O mistério envolvendo o quotidiano de personagens e preocupações contemporâneas.”

    Fernando Carmino Marques é Doutor em Letras pela Universidade de Paris IV – Sorbonne (1997), onde lecionou, de 1993 a 2002, língua, cultura e literaturas de expressão portuguesa. Colaborou no Instituto Camões em Paris e foi docente responsável pelo ensino do português nas universidades de Versailles – St. Quentin e Marne-la-Vallée. Publicou vários estudos sobre temas e autores portugueses e brasileiros, dos séculos XVI, XIX e XX. Mais recentemente traduziu e editou o estudo inédito de Pierre Hourcade sobre a poesia de Fernando Pessoa: A Mais Incerta das Certezas, Itinerário Poético de Fernando Pessoa (Coleção “Ensaios” sobre Fernando Pessoa, Tinta-da-china, Lisboa, 2016). É professor de língua e cultura portuguesa no Instituto Politécnico da Guarda.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:20

Empreender e Crescer nas Beiras

por Correio da Guarda, em 26.01.19

 

   No Instituto Politécnico da Guarda terá lugar na próxima quarta-feira, dia 30 de Janeiro, a conferência final do projeto Empreender e Crescer nas Beiras.

    O projeto Empreender e Crescer nas Beiras nasceu da perceção partilhada pelos seus promotores da necessidade de melhorar a articulação e cooperação entre os diversos agentes de estímulo e apoio ao empreendedorismo e captação de investimento da Região Beiras e Serra da Estrela, de modo a potenciar a criação de novas empresas, tendo como estratégia o desenvolvimento de um ecossistema regional de apoio ao empreendedor, de suporte à emergência, desenvolvimento e consolidação de projetos empresariais inovadores e de valor acrescentado para a região.

   Nesta conferência, que decorrerá no auditório dos Serviços Centrais do IPG (a partir das 14 horas), serão apresentados os principais resultados do projeto e será formalizada a Rede de Apoio ao Empreendedorismo das Beiras e Serra da Estrela (REBSE), através de um ato simbólico de assinatura do protocolo de entendimento e colaboração com as entidades que compõem a rede.

   Esta rede integra os diversos agentes que compõem o ecossistema da região (municípios; Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela; estabelecimentos do ensino superior; grupos de ação local; associações empresariais, etc.), procurando capitalizar as valências e as competências de cada um deles, de forma a acrescentar valor à oferta de serviços de apoio ao empreendedorismo, articular as suas intervenções, criando sinergias que potenciem a relevância da sua missão no domínio do empreendedorismo e atração de investimento para a região.

   Empreender e Crescer nas Beiras é um projeto da Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela, realizado em parceria com o Núcleo Empresarial da Guarda, Universidade da Beira Interior e Instituto Politécnico da Guarda, apoiado pelo Portugal 2020, no âmbito do Centro 2020 - Sistema de Apoio a Ações Coletivas - Promoção do Espírito Empresarial e pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:02

Estudo sobre escolha de futebolistas para seleções

por Correio da Guarda, em 25.01.19

 

     A escolha de futebolistas para as seleções jovens portuguesas encontra-se fortemente influenciada pelo mês do seu nascimento, de acordo com um estudo efetuado por estudantes da licenciatura em Desporto do Instituto Politécnico da Guarda (IPG).

    Os resultados deste trabalho académico indicam uma forte tendência para os futebolistas nascidos no primeiro semestre do ano dominarem as convocatórias para as seleções jovens, especialmente entre os 15 e 19 anos. Por exemplo, na seleção de sub16 verifica-se que 88% dos atletas selecionados para os torneios oficiais que tiveram lugar durante 2018 nasceram num dos meses correspondentes ao primeiro semestre do ano, sendo que apenas 12% nasceram no segundo semestre.

    Questionado se isto significa que os atletas nascidos no primeiro semestre são especialmente talentosos, Pedro Esteves (docente do IPG), coordenador deste projeto de investigação, referiu que “o efeito da idade relativa tem sido detetado em diversas modalidades e níveis competitivos sendo que a explicação para uma maior representatividade dos atletas nascidos nos primeiros meses do ano prende-se com a vantagem temporal associada a um maior desenvolvimento antropométrico (ex: altura, peso), físico (ex: força, velocidade), entre outros.”

Desporto - Futebol.jpg

    Exemplificando, Pedro Esteves acrescentou que “um atleta nascido a 3 de janeiro face a um outro nascido a 20 de dezembro possui um avanço temporal de praticamente um ano. Este fenómeno é especialmente crítico durante a fase da adolescência onde os ritmos de desenvolvimento “corporal” são especialmente variáveis para atletas da mesma idade, que acabam por competir no mesmo escalão. Importa realçar que esta é uma vantagem temporária já que após a adolescência os níveis diferenciados de desenvolvimento tendem a ser esbatidos.”

    Instado a pronunciar-se sobre as consequências práticas poderão advir deste efeito de idade relativa, o referido investigador assinalou que “em primeiro lugar, os atletas com avanço no processo de desenvolvimento podem estar a ser erroneamente identificados pelos treinadores como mais talentosos quando, na verdade, esta vantagem tende a ser temporária. Por outro lado, se estes atletas mais desenvolvidos forem consistentemente selecionados para as seleções pode-se criar um ciclo difícil de reverter dado que estes terão acesso a mais e melhores contextos de prática (ex: condições de treino, qualidade dos treinadores, experiências competitivas) que reforçam a sua vantagem face aos atletas com desenvolvimento mais “atrasado”. Isso não significa que os atletas nascidos no segundo semestre do ano fiquem irremediavelmente afastados das oportunidades de recrutamento; contudo, terão pela frente um grande desafio para superar os constrangimentos atrás mencionados. Importa assim questionar, quantos talentos poderão estar a passar entre os “dedos” dos agentes responsáveis pelo recrutamento”

    Relativamente ao impacto deste estudo pode no processo de seleção de atletas com talento, Pedro Esteve disse que “os resultados por encontrados sugerem que o efeito de idade relativa nas seleções nacionais de futebol masculino parece diminuir a partir dos 19 anos, o que deverá merecer da parte dos investigadores, bem como dos responsáveis federativos, uma reflexão em tornos dos fatores que poderão contribuir para esta situação. Provavelmente, nestas idades, os atletas nascidos no segundo semestre do ano, pela combinação de características intrínsecas e de oportunidades de desenvolvimento externas conseguem superar a desvantagem acumulada e penetrar na rede de recrutamento”.

   Este docente do Instituto Politécnico da Guarda acrescentou ainda que “de um ponto de vista prático existem diversas organizações desportivas a nível mundial que têm vindo a refletir sobre a temática da idade relativa e, neste sentido, criar medidas de compensação no sentido de minorar este efeito, como é o caso do bio-banding. Parece-nos assim importante, com este estudo, colocar na agenda mediática o tópico da idade relativa no sentido de estimular a discussão, a nível dos clubes e das seleções, sobre como potenciar o processo de identificação e seleção de talento no desporto, e no futebol em particular”.

   O Presidente do Instituto Politécnico da Guarda, Joaquim Brigas, comentou que este estudo “é mais uma prova, objetiva, da investigação que é feita no IPG, e neste caso vertente na área do desporto”. Congratulando-se com a realização deste trabalho, Joaquim Brigas evidenciou o “prestígio do curso de Desporto do IPG, a qualidade do ensino ministrado e o alto nível do corpo docente”.

   O estudo científico que suporta estes resultados será apresentado no congresso CIDESD2019, a 1 e 2 de fevereiro.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:48

Saúde Mental em debate na Guarda

por Correio da Guarda, em 15.01.19

 

Congresso SAÚDE MENTAL - Guarda - 2019.jpg

     “Comunicar a Saúde Mental – decompondo preconceitos, estereótipos e segregações” foi o tema do congresso que  decorreu hoje na Guarda, numa iniciativa do curso de Comunicação, Protocolo e Organização de Eventos da Escola Superior de Educação, Comunicação e Desporto (ESECD) do Instituto Politécnico da Guarda (IPG).

   O programa integrou uma mesa redonda (pelas 11 horas) sobre “O Papel Parental e o (des)envolvimento da Saúde Mental nos Jovens”, moderada por Handerson Engrácio, com intervenções de Fátima Feliciano (psicóloga clínica), José Garrido (diretor do Serviço de Pedopsiquiatria /Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra).

    No período da tarde, a partir das 14 horas, falou-se de “Stress e Depressão: que abordagens clínicas” numa mesa-redonda em que intervieram Odília Cavaco (docente da ESS/IPG), João Leitão (docente da ESS/IPG), Pedro Renca (Enfermeiro /CHUC), Patrícia Pestana (psicóloga clínica), Tiago Ventura (médico) e Ana Filipa Teixeira (médica). 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:20

Fotografias, Sabores e Tradições

por Correio da Guarda, em 03.01.19

Azeitonas - HS.jpg

     No próximo sábado, 5 de janeiro, vai ser inaugurada na Benespera a Exposição resultante do Roteiro Fotográfico “Patrimónios locais: a Guarda e seu entorno”, realizado no dia 8 de dezembro numa iniciativa do Centro de Estudos Ibéricos em parceria com o Fotoclube da Guarda.

    Esta exposição, a inaugurar pelas 15 horas, é promovida no âmbito do projeto "Sabores e Tradições do Vale da Teixeira".

  O projeto é uma ação comunitária de base territorial que tem como missão, a valorização das populações locais e dos seus recursos endógenos no seu contexto territorial, tendo surgido da concertação de sinergias entre o Instituto Politécnico da Guarda(através da docente Ana Lopes da ex-aluna Vanda Rodrigues, do curso de Animação Sociocultural), Câmara Municipal da Guarda, juntas de freguesia da Benespera, João Antão e Ramela, Centro Cultural, Social e Desportivo da Ramela, Associação Cultural e Recreativa da Benespera, Associação para o Desenvolvimento Integrado da Benespera e a Quinta de Sinçais.

    Nesse mesmo dia decorrerá, um mesa redonda sobre “A Importância do Azeite na Economia Local” em que vão intervir, entre outros,  Marcelino Lopes e António Lourenço Fontes, com moderação do jornalista António Sá Rodrigues.

   De referir que no âmbito do referido projeto vão realizar-se duas Lagaradas (dias 13 e 20 de janeiro, na Ramela) que têm um custo por pessoa de 15€. A inscrição inclui o Kit Lagarada (prato, garfo, caneca de barro e saco de pano, para cada inscrição); prova de vinhos, degustação de pão torrado com azeite, no lagar da Ramela, Almoço (Chouriçada, Lagarada, sobremesa, vinho, água e sumo) e animação.

   A inscrição pode ser efetuada aqui.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:23


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

Contacto:

correiodaguarda@sapo.pt correio.da.guarda@gmail.com



Google +


Referenciar citações

Protected by Copyscape Website Copyright Protection