Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Exposição de Baltazar Torres no TMG

por Correio da Guarda, em 26.01.13

 

      No Teatro Municipal da Guarda (TMG) foi inaugurada hoje, a exposição “Veias de Alcatrão”, de Baltazar Torres, a qual vai estar patente até 17 de Março.

     Baltazar Torres nasceu em 1961, em Figueira de Castelo Rodrigo; vive e trabalha no Porto. Realizou a sua primeira exposição em 1988 e desde então tem mostrado regularmente a sua obra, construindo um percurso sólido tanto a nível nacional como internacional.

     A sua obra engloba pintura, escultura, desenho e instalação. Expõe com regularidade na Galeria Mario Mauroner em Viena e Salzburgo, na Áustria, e actualmente na Galeria Mário Sequeira, Braga, Portugal.

     Está representado em diversas colecções nacionais e internacionais.

    “Veias de Alcatrão” é uma instalação inédita pensada para o espaço da Galeria de Arte do TMG, numa reflexão sobre a experiência da viagem, do território e da paisagem do início do Séc. XXI.

     A exposição tem entrada livre e pode ser visitada de terça a sexta das 16h às 19h e das 21h00 às 23h00, aos sábados das 15h00 às 19h00 e das 21h00 às 23h00 e aos domingos das 15h às 19h.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:36

Cerimónias Matriarcais no TMG

por Correio da Guarda, em 03.07.11

 

    Até ao próximo dia 24 de Julho continua patente, na Galeria de Arte do TMG, a exposição de escultura "Cerimónias Matriarcais em nome das mais antigas divindades do Cabeço das Fráguas: Trebopala, Laebo, Trebaruna", da autoria do artista plástico guardense Daniel Gamelas.

 

   

     Escultor e professor de desenho, Daniel Gamelas trabalha, actualmente, no Porto. É Licenciado em Escultura pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto e Mestre pela New York Academy of Art. O seu trabalho foi distinguido em Nova Iorque com o prémio “The Complete Sculptor” por excelência em escultura.

    As esculturas de Daniel Gamelas exploram relações entre o corpo, a origem e a mitologia. Tem integrado numerosas mostras individuais e colectivas em Portugal, Espanha e Nova Iorque, destacando-se as exposições “Origens” e “Domínios”.

    É membro co-fundador do AARP – Atelier de Arte Realista do Porto, sendo responsável pelo programa de desenho. Os cursos que orienta são baseados na tradição académica de representação figurativa e inspirado no legado das escolas clássicas.

    Paralelamente à carreira artística é professor da cadeira de Desenho Arquitectónico na Universidade Católica de Viseu. Anteriormente também leccionou as cadeiras de Desenho na Escola Universitária Vasco da Gama, em Coimbra.

    A exposição "Cerimónias Matriarcais em nome das mais antigas divindades do Cabeço das Fráguas: Trebopala, Laebo, Trebaruna", pode ser visitada de terça à sexta das 16h às 19h e das 20h30 às 23h, aos sábados das 14h às 19h e das 20h30 às 23h e aos domingos das 14h às 19h.

   A entrada é livre.

 

  Fonte: TMG

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:16

"Passos Perdidos" na Guarda

por Correio da Guarda, em 15.01.09

 

No Teatro Municipal da Guarda será inaugurada no próximo sábado, dia 17 de Janeiro, pelas 18 horas, a exposição “Passos perdidos” – Tecelagem, escultura, desenho e instalação”, da autoria do escultor José Teixeira.
Trata-se de uma exposição feita propositadamente para a Galeria do TMG, que o autor descreve como um labirinto que tem por base o contexto da região: «Ao ponderar o contexto para o projecto “site-specific” a realizar na Galeria de Arte do TMG, numa das deambulações pela Guarda ocorreu-me que o imaginário da cidade (situada na montanha de cota mais elevada) é, desde há séculos, sulcado por trilhos de transumância, relacionando-se historicamente com a indústria de lanifícios.
Essa característica, a par da volumetria preponderantemente horizontal da sala, levou-me a pensar numa peça de chão na qual pudesse recorrer à indústria da tecelagem (ocupação outrora florescente mas actualmente em crise). A obra que, poeticamente, evoca o lendário “tapete mágico” onde a personagem ganha a faculdade de deambular pelo mundo, encontra paralelo no “caminho de Ariadne” onde, em termos temáticos, reconstruímos o percurso de Teseu», descreve José Teixeira.
José Teixeira nasceu em Angola a 3 Novembro de 1960. No final da década de 70 estudou na cidade mais alta, frequentando no Liceu da Guarda a turma de Artes Visuais.
Nesta cidade, que considera sua terra de adopção, descobriu, em tertúlias, amizades duradoiras e interlocutores válidos para as suas aspirações culturais.
Em meados dos anos 80 rumou à capital, licenciou-se em Escultura e realizou o Mestrado em Teorias da Arte na Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa onde, desde 1998, é docente do Curso de Escultura. Aguarda a defesa da tese Doutoramento em Escultura (Escultura Pública em Portugal – Séc. XX). Expõe regularmente desde 1980. É autor de algumas obras em espaço público, nomeadamente, em Montemor-o-Novo e no Concelho de Sintra.
A partir 1995 dedica-se, também, à medalhística (tendo meia centena de medalhas editadas) e à numismática (autor de duas moedas do Euro 2004, do Mundial 2006, Jogos Olímpicos de Pequim, 2008).
“Passos Perdidos” vai estar patente até 8 de Março na Galeria de Arte e pode ser visitada de Terça a Domingo. A entrada é livre.
 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:25


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Contacto:

correiodaguarda@sapo.pt correio.da.guarda@gmail.com



Google +


Referenciar citações

Protected by Copyscape Website Copyright Protection