Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Comunicação de Ciência e Tecnologia

por Correio da Guarda, em 11.10.18

figueira.jpg

           foto: CMFCR

 

     Em Figueira de Castelo Rodrigo está a decorrer desde ontem, e até amanhã, 12 de Outubro, o VI Congresso de Comunicação de Ciência e Tecnologia-SciComPT 2018

    Esta é uma iniciativa que junta investigadores, jornalistas, educadores e comunicadores de ciência, nacionais e internacionais, para refletir acerca do papel da Comunicação de Ciência na Sociedade.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:22

Debate sobre Ciência, Tecnologia e emprego científico

por Correio da Guarda, em 04.11.16

Laboratórios.jpg

    No Instituto Politécnico da Guarda (IPG) vai decorrer no próximo dia 6 de Dezembro, a partir das 16h30, uma sessão/debate sobre Ciência e Tecnologia, Ensino Superior e emprego científico.

    Trata-se de uma iniciativa da Fundação para a Ciência e Tecnologia em colaboração com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.

   Esta sessão (que decorrerá no Auditório dos Serviços Centrais do IPG) vai contar com a presença do Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, da Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Fernanda Rollo, e de membros do Conselho Diretivo da FCT.

    A discussão dos temas em debate será abordada no contexto da preparação dos processos de avaliação institucional que serão lançados, em 2017, pela FCT e pela Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior (A3ES).

    A referida iniciativa será antecedida pela sessão solene de abertura do ano académico no Instituto Politécnico da Guarda, a iniciar pelas 14 horas.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:00

VII Jornadas sobre Tecnologia e Saúde

por Correio da Guarda, em 30.03.14

 

     “Cérebro, Neurociência e Tecnologia” é o tema central das VII Jornadas sobre Tecnologia e Saúde que vão decorrer Instituto Politécnico da Guarda, no próximo dia 4 de Abril. O programa destas jornadas engloba três painéis: “Tecnologia emergente na Neurociência”, “Neurociência e qualidade de vida” e      Novas abordagens terapêuticas na Doença Neurológica e Mental”.

     A sessão de abertura está marcada para as 9h30, no Auditório dos Serviços Centrais do IPG, onde, durante a manhã se irá falar de “Mais saúde, inclusão e comunicação através de dispositivos móveis” (Maria Armanda Quintela), “Deteção de arritmias ventriculares utilizando redes neuronais” (Noel Lopes), “O potencial dos sistemas de reabilitação cognitivos: O caso de estudo do COGWEB”, (Virgílio Bento), “Dor, hipnose e qualidade de vida”(Odília Cavaco), “As bases neurobiológicas do sonho”(Leandro Pragana Pimenta), “Perfeccionismo, Pensamento Repetitivo Negativo e Sintomas Obsessivo- Compulsivos” (Tiago Filipe Ferreira) (UBI) e “Pelo seu cérebro, ria-se”, (Maria Miguel Costa/ Hermínia Barbosa).

     O programa engloba, ainda durante a manhã a apresentação de posters.

     Desafios éticos e bioéticos em neurociência, Electroconvulsivoterapia no presente, Neurofeedback: a auto-regulação da função cerebral, Estimulação cerebral profunda, Psicocirurgia: técnicas e indicações clínicas, Perceção da qualidade de vida em doentes psicóticos integrados na comunidade, Impacto de um programa de estimulação Multisensorial (Snoezelen) em idosas institucionalizadas, Vivência dos familiares dos idosos que se suicidaram na Cova da Beira, Promoção Cognitiva na Resolução de Problemas, Doença de Parkinson – principal terapêutica utilizada, Depressão – uma comorbilidade da DPOC?, Envelhecimento ativo: cognição e movimento, Cannabis e doença mental e Alert Bracelet são alguns dos trabalhos/posters a apresentar no decorrer destas jornadas.

     No período da tarde as comunicações incidirão sobre “Benefícios da estimulação multissensorial – A experiência da Casa de Saúde Bento Menni” (Elina Duarte), “A importância da Psicoeducação no tratamento da doença bipolar” (Manuel Paulino), “Antidepressivos: perfil de utilização, efeitos secundários e interações medicamentosas” (Joaquim Barreiros do Vale) e “Inhibition of the Tyrosine Phosphatase STEP Protects Midbrain Dopaminergic Neuros from MPP+ innduced lesion” (Rita Videira).

    A sessão de encerramento, que incluirá a divulgação e entrega de prémios, ocorrerá pelas 16h30, no Auditório dos Serviços Centrais do IPG.

    As pessoas interessadas podem fazer a sua inscrição em http://www.ipg.pt/tecnologia-saude2014/

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:36

Ribeiro Sanches: na Guarda da cultura

por Correio da Guarda, em 23.03.14

 

     Uma cidade, para além dos seus cartazes monumentais e artísticos mais emblemáticos, pode projetar-se por múltiplas referências, nem sempre devida e objetivamente valorizadas.

    Desde logo pela identificação com personalidades, nascidas ou ligadas ao território urbano, com vínculos afetivos de diferente graduação; factuais, contudo.

    Na toponímia guardense (ainda que com uma diminuta e desproporcionada placa) está referenciada uma das figuras mais relevantes da ciência e da cultura europeias do século XVIII: Ribeiro Sanches. Este é o nome de uma artéria transversal da Rua Dr. Francisco dos Prazeres que liga esta à Rua Pedro Álvares Cabral e Monsenhor Alves Brás, permitindo também a circulação em direção à Rua António Sérgio.

    Nascido em Penamacor, a 7 de Março de 1699, no seio de uma família de cristãos-novos, António Nunes Ribeiro Sanches viveu na Guarda, no período da adolescência, após ter concluído a formação escolar básica. Nesta cidade terá estudado música e, em particular, aprendeu a tocar cítara, seguindo as orientações paternas; alguns dos seus contactos citadinos possibilitaram-lhe a leitura de obras que o enriqueceram culturalmente, nomeadamente trabalhos de Damião de Góis.

    Aos 16 anos foi estudar para Coimbra onde, mais tarde, cursou direito que, contudo, reconheceu não ser a sua vocação; o ambiente estudantil da cidade do Mondego provocou-lhe algum desagrado e em Novembro de 1720 matriculou-se na Universidade de Salamanca (Espanha); aí estudou medicina e granjeou a estima de vários mestres; foi mesmo convidado para ali ficar como assistente; naquela cidade espanhola viveu calmamente, sem a preocupação de o identificarem como cristão-novo.

    No período em que estudou em Salamanca, Ribeiro Sanches passou várias épocas de férias na Guarda, tendo aqui praticado o exercício da medicina com um clínico desta cidade, seu amigo.

    Concluído o curso, em 1724, foi trabalhar para Benavente; os seus contactos familiares deram-lhe uma maior perceção da atividade, do peso e influência da Inquisição, a que foi denunciado como cristão-novo; facto que esteve, igualmente, na origem do impedimento de nomeação oficial como clínico, naquela localidade. Admite-se que esta situação, e o medo de vir a ser alvo da Inquisição, o tenham levado a sair de Portugal, nos finais de 1726. Terá partido, por via marítima em direção a Génova; em Itália frequentou, durante algum tempo, a Universidade de Pisa, visitando depois Montpellier e Londres (onde deu aulas e exerceu Medicina).

    Mais tarde, acompanhado por um irmão (que ficou a estudar cirurgia em Paris), saiu para Bordéus e daí para Leiden (Holanda). D. Luis da Cunha, representante de Portugal em Haia, intercedeu a favor de Ribeiro Sanches junto de um influente ministro de D. João V, sem nenhum acolhimento. Frequentou, a partir de 1730, a Universidade de Leiden onde recebeu ensinamentos de Bernhard Siegfried Albinus Hieronymus, David Gaubius e de Herman Boerhaav. Este último  terá contribuído ida de Ribeiro Sanches para a Corte de Moscovo, onde chegou em Outubro de 1731.

     Nomeado médico do Senado e da cidade de Moscovo, foi transferido três anos depois para os serviços do exército russo. Em 1737 encontrava-se já em St. Petersburgo, como clínico do Corpo de Cadetes, uma estrutura de ensino e formação destinada à nobreza russa.

    Ribeiro Sanches ingressou, por essa altura, na Academia das Ciências de Petersburgo, sendo nomeado em Março de 1740, médico da Corte e posteriormente segundo médico da Regente Ana Léopoldovna e do, ainda, jovem Imperador Joannn Antonovič, sendo muito apreciado nos círculos do poder russo.

    Um ano depois, Isabel Petrovna (filha de Pedro o Grande) passou a dirigir os destinos do império e Ribeiro Sanches foi, igualmente, seu médico, bem como de Catarina II que curou em 1744, quando esta tinha apenas 15 anos; facto que a futura czarina não esqueceu.

    Em 1747, invocando problemas de saúde, Ribeiro Sanches pediu a demissão das suas funções.

    A Imperatriz Isabel Petrovna distinguiu-o com um certificado de bons serviços e Academia Imperial das Ciências, nomeando-o membro honorário. De acordo com alguns biógrafos, esta repentina partida terá sido originada por alguma intriga na corte czarina que avivou a sua ligação judaica.

     Após passar por Berlim, dirigiu-se a Paris onde passou a residir e a colaborar com os vultos mais eminentes do Iluminismo, escrevendo as suas principais obras: Dissertation sur la Maladie Vénérienne (1750), Tratado da Conservação da Saúde dos Povos (1756), Cartas sobre a Educação da Mocidade (1760), Método para Aprender e Estudar a Medicina(1763), Mémoire sur les Bains de Vapeur en Russie (1779).

     Foi, até à sua morte, interlocutor de imensas figuras consideradas expoentes máximos da vida cultural e científica europeia, dessa época, sem ter tido a possibilidade de encontrar as condições para regressar a Portugal.

     Ribeiro Sanches, um dos intelectuais portugueses que mais se distinguiu além-fronteiras e cuja vida passou pela mais alta cidade de Portugal, faleceu a 14 de Outubro de 1783.

     Esta será, sem dúvida, uma figura que bem se pode associar a uma Guarda culta e da ciência, merecendo adequado estudo e divulgação; figura que evocamos hoje, nesta coluna, a propósito da recente passagem de 315 anos após o seus nascimento.

 

In O Interior, 20|3|2014

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:29

Cérebro, Neurociência e Tecnologia

por Correio da Guarda, em 20.03.14

     No Instituto Politécnico da Guarda (IPG) vão decorrer, no próximo dia 4 de Abril, as VII Jornadas Nacionais sobre Tecnologia e Saúde.

     Este ano as jornadas são subordinadas ao tema “Cérebro, Neurociência e Tecnologia”, englobando três painéis: “Tecnologia emergente na Neurociência”, “Neurociência e qualidade de vida” e “Novas abordagens terapêuticas na Doença Neurológica e Mental”.

     A sessão de abertura está marcada para as 99h30, no Auditório dos Serviços Centrais do IPG, onde, durante a manhã se irá falar de “Mais saúde, inclusão e comunicação através de dispositivos móveis” (Maria Armanda Quintela), “Deteção de arritmias ventriculares utilizando redes neuronais” (Noel Lopes), “O potencial dos sistemas de reabilitação cognitivos: O caso de estudo do COGWEB”, (Virgílio Bento), “Dor, hipnose e qualidade de vida”(Odília Cavaco), “As bases neurobiológicas do sonho”(Leandro Pragana Pimenta), “Perfeccionismo, Pensamento Repetitivo Negativo e Sintomas Obsessivo- Compulsivos” (Tiago Filipe Ferreira) (UBI) e “Pelo seu cérebro, ria-se”, (Maria Miguel Costa/ Hermínia Barbosa).

    Ainda durante a manhã está previsto um período para apresentação de posters. Desafios éticos e bioéticos em neurociência, Electroconvulsivoterapia no presente, Neurofeedback: a auto-regulação da função cerebral, Estimulação cerebral profunda, Psicocirurgia: técnicas e indicações clínicas, Perceção da qualidade de vida em doentes psicóticos integrados na comunidade, Impacto de um programa de estimulação Multisensorial (Snoezelen) em idosas institucionalizadas, Vivência dos familiares dos idosos que se suicidaram na Cova da Beira, Promoção Cognitiva na Resolução de Problemas, Doença de Parkinson – principal terapêutica utilizada, Depressão – uma comorbilidade da DPOC?, Envelhecimento ativo: cognição e movimento, Cannabis e doença mentale Alert Bracelet são alguns dos trabalhos/posters a apresentar no decorrer destas jornadas.

     No período tarde as comunicações incidirão sobre “Benefícios da estimulação multissensorial – A experiência da Casa de Saúde Bento Menni” (Elina Duarte), “A importância da Psicoeducação no tratamento da doença bipolar” (Manuel Paulino), “Antidepressivos: perfil de utilização, efeitos secundários e interações medicamentosas” (Joaquim Barreiros do Vale) e “Inhibition of the Tyrosine Phosphatase STEP Protects Midbrain Dopaminergic Neuros from MPP+ innduced lesion” (Rita Videira, Paradeep Kurup).

    A sessão de encerramento, que incluirá a divulgação e entrega de prémios, ocorrerá pelas 16h30.

    O programa integra, ainda, um Workshop subordinado ao tema “Ria-se, o seu cérebro agradece”, coordenado por Hermínia Barbosa e Maria Miguel Costa, agendado para as 17 horas e com inscrições limitadas.

    As fichas de inscrição para participantes, contatos e outras informações estão disponíveis em http://www.ipg.pt/tecnologia-saude2014/

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:30

Jornadas sobre Tecnologia e Saúde

por Correio da Guarda, em 24.02.14

 

     Até ao próximo dia 6 de Março decorre o prazo para a submissão de trabalhos a apresentar nas VII Jornadas Nacionais sobre Tecnologia e Saúde.

     Este evento vai decorrer no dia 4 de Abril de 2014 no Instituto Politécnico da Guarda (IPG), entidade organizadora.

    Este ano as jornadas são subordinadas ao tema “Cérebro, Neurociência e Tecnologia”, englobando três painéis: “Tecnologia emergente na Neurociência”,  “Neurociência e qualidade de vida” e “Novas abordagens terapêuticas na Doença Neurológica e Mental”.

     Os trabalhos aceites para as Jornadas serão editados pelo Instituto Politécnico da Guarda, numa publicação relativa a este evento.

    As fichas de submissão de trabalhos, inscrições, contatos e outras informações estão disponíveis em http://www.ipg.pt/tecnologia-saude2014/

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:30

Nova descoberta de cientista da Guarda

por Correio da Guarda, em 07.08.13

 

     O cientista Rui Costa, natural da Guarda, descobriu a existência de uma área do cérebro que permite, desde que estimulada, efectuar a mudança de acções automáticas e intencionais.

     A descoberta deste investigador do Programa Champalimaud de Neurociências assume particular significado e importância no caso de tratamento de doentes afectados com o distúrbio obsessivo-compulsivo.

    Estes novos dados, que permitem romper hábitos, foram divulgados através de um estudo conjunto com a cientista Christina Gremel, publicado na revista científica “Nature Communications”.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:54

VI Jornadas Nacionais sobre Tecnologia e Saúde

por Correio da Guarda, em 27.04.13

 

     O Instituto Politécnico da Guarda (IPG) vai promover, no dia 3 de Maio, as VI Jornadas Nacionais sobre Tecnologia e Saúde.

    Estas jornadas pretendem divulgar os mais recentes projetos na área da tecnologia aplicada à saúde e aprofundar o diálogo entre investigadores e profissionais/estruturas de saúde (médicos, enfermeiros, técnicos, profissionais e estudantes das áreas da saúde e da tecnologia).

    O programa deste ano incluirá uma conferência inaugural, a partir das 9h30, a proferir pelo cientista Carvalho Rodrigues, subordinada ao tema “Estabilidade, Simplicidade e Inovação“; o investigador João Mano (Universidade do Minho) fará uma comunicação sobre “Biomateriais Poliméricos na Engenharia de Tecidos” e Álvaro Rocha (AISTI - Associação Ibérica de Sistemas e Tecnologias de Informação) desenvolverá o tema “Qualidade de conteúdos e serviços em sítios Web de saúde”.

    Inscrições e programa em: http://www.ipg.pt/tecnologia-saude2013/

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:02

Guarda recebe Noite dos Investigadores

por Correio da Guarda, em 06.09.12

 

     O Instituto Politécnico da Guarda (IPG) é uma das instituições que vai assinalar, no dia 28 de Setembro, a “Noite Europeia dos Investigadores”, um evento anual comemorado por toda a Europa de forma a celebrar a ciência e dar a conhecer a atividade dos investigadores científicos, nas diferentes áreas.

     No corrente ano, o IPG está integrado no projeto nacional coordenado pela Ciência Viva - Agência Nacional para a Cultura Cientifica e Tecnológica, o qual tem como principal objetivo aumentar o reconhecimento público dos investigadores nas suas diversas perspetivas e componentes, oferecendo, ao público em geral, a oportunidade de descobrir a "face humana" de ciência.

     Este contato será viabilizado através de intercâmbios e discussões diretas com os investigadores, bem como proporcionando a reflexão sobre o impacto da pesquisa em suas vidas diárias.

     A sensibilização para este evento, por parte do Instituto Politécnico inclui algumas atividades prévias, nomeadamente visitas a escolas (24 e 25 de Setembro) e a um programa de avaliação desportiva, a realizar dia 22 de Setembro, na pista do Parque Polis, na Guarda.

     No dia 28 terá lugar, no IPG, uma conferência subordinada ao tema “Desporto e Ciência”, que terá como orador o Prof. Doutor Taborda Barata (Presidente da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade da Beira Interior). Esta conferência decorrerá a partir das 16 horas. As inscrições são gratuitas (embora obrigatórias) e podem ser feitas através do e-mail udigeral@ipg.p

     Nesse mesmo dia, entre as 17h30 e as 22 horas, decorrerá no Café Concerto do TMG uma atividade de speed dating, que conta com a colaboração do Teatro Municipal da Guarda. No local será disponibilizado um Mural da Ciência e o Desporto para apoio da atividade de speed dating, onde os participantes no evento podem expressar os seus pensamentos.

    Ao longo do speed dating, diferentes investigadores científicos, docentes do IPG, estarão disponíveis para rápidas conversas individuais ou em grupo, com a população em geral, de modo a explicarem o que fazem enquanto cientistas, bem como para responderem às questões que lhes forem colocadas.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:09

Rui Costa

por Correio da Guarda, em 02.02.12

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:11


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Contacto:

correiodaguarda@sapo.pt correio.da.guarda@gmail.com



Google +


Referenciar citações

Protected by Copyscape Website Copyright Protection