Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Estacionamento indisciplinado

por Correio da Guarda, em 31.07.08

 

 

 

O estacionamento indisciplinado de veículos pesados um pouco por toda a cidade da Guarda é já imagem usual do nosso quotidiano. Esta realidade não tem merecido, ao longo dos anos, a necessária atenção por parte das entidades responsáveis, sempre na procura de uma solução, sucessivamente adiada.
Se a caótica dispersão de veículos pesados, ao longo da zona urbana provoca, por um lado, os mais variados problemas de congestionamento de trânsito, incómodos de vária ordem para os moradores das artérias onde ficam estacionados (redução de espaço para veículos ligeiros, ruídos a horas mortas antecedendo a sua retirada e início de viagem, diminuição de visibilidade em muitos locais), por outro contribui para a degradação dos pisos e passeios, danificação das tampas do colectores de água e saneamento (que consequentemente se transformam em verdadeira armadilhas para automobilistas e transeuntes) e sujidade dessas ruas, resultado de frequentes derrames de óleo ou outros lubrificantes.
Ainda que os conhecidos constrangimentos financeiros condicionem, actualmente, a definitiva resolução do problema – com a construção de um parque apropriado e servido com as estruturas de apoio consideradas fundamentais – é urgente alterar esta realidade, em prol de uma nova imagem da cidade, procurando as soluções mais adequadas.
Essas soluções podem passar pelo estudo e desenvolvimento de parcerias com a iniciativa privada, articulado, ou não, com outros projectos previstos para a periferia da cidade. Certamente que a Guarda ficará a ganhar. (H.S.)

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:35


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

Contacto:

correiodaguarda@sapo.pt correio.da.guarda@gmail.com