Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Gestão de Projetos e Sustentabilidade.

por Correio da Guarda, em 30.06.19

 

     No Instituto Politécnico da Guarda (IPG) vai ser lecionada, a partir de outubro, uma Pós-graduação Executiva em Gestão de Projetos e Sustentabilidade.

    A apresentação desta nova formação teve lugar numa sessão realizada na passada quinta-feira, no IPG, no decorrer da qual foram igualmente assinados dois protocolos de cooperação: um entre o IPG e APOGEP (Associação Portuguesa de Gestão de Projeto) e outro entre o IPG e a Bright Academy (empresa de formação em Gestão de Projetos).

   O valor a pagar por esta formação (a lecionar durante um semestre) ronda os 2800 euros, sendo ministrada sextas-feiras (no período da tarde) e sábados (todo o dia). Um valor que o Presidente do IPG, Joaquim Brigas, considerou competitivo “comparado com o praticado noutras instituições” e também pelo facto de ter uma certificação internacional.

    De acordo com o Presidente do IPG, não é necessário que os interessados tenham uma licenciatura para se candidatarem. A particularidade desta formação, acentuou,” é o facto de ter uma certificação internacional e ser ela própria internacional”. Ao ser disponibilizada desta forma, permite que qualquer licenciado, de qualquer área – seja do desporto, da animação sociocultural, do turismo, engenharia, gestão, saúde, etc – possa fazer esta formação.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:58

Taça do Mundo de Parapente

por Correio da Guarda, em 29.06.19

Taça do Mundo de Parapente - Manteigas 2019.jpg

    A zona de Manteigas acolhe, a partir de hoje e até 6 de julho, a Taça do Mundo de Parapente, que conta com a participação dos 125 melhores pilotos da modalidade.

   Estes pilotos são oriundos dos cinco continentes, representando 25 países , nomeadamente Japão, Rússia, França, Suíça, Itália, China, Brasil, Alemanha, Turquia, Áustria, Reino Unido, Espanha, República Checa, África do Sul, Eslováquia, Polónia, Holanda, Irão, Ucrânia, Portugal, Nova Zelândia, Suécia, Bósnia, Noruega e Chile..

   De referir que a terceira prova da Taça do Mundo de Parapente pontua para o circuito mundial da modalidade, que conta com cinco etapas e culminará com uma super final em data e local a determinar.

    A concretização da iniciativa dependeu do apoio do Município de Manteigas, com a organização da WIND - Desporto, Natureza e Aventura, sob a chancela da Paragliding World Cup Association, atestando uma vez mais, as excelentes condições para a realização de eventos desta magnitude em Manteigas, dadas as condições naturais do Vale Glaciário do Zêzere, as melhores pistas de descolagem da Península Ibérica e a meteorologia favorável que caracteriza o território. A prova poderá ser acompanhada aqui em tempo real.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:00

Menu 4All na lista dos Hospitality Education Awards

por Correio da Guarda, em 27.06.19

     O Projeto Menu 4 All desenvolvido na Escola Superior de Turismo (ESTH) e Hotelaria e na Escola Superior de Tecnologia e Gestão (ESTG) do Instituto Politécnico da Guarda (IPG) integra a lista de nomeados dos Hospitality Education Awards 2019.

   Naquela que já é considerada a edição mais concorrida de sempre dos Hospitality Education Awards, com mais de 100 candidaturas, o projeto Menu 4 All irá concorrer na categoria de “Melhor Projeto de Inovação e Desenvolvimento (I&D)”.

   O sistema Menu4All consiste no desenvolvimento de uma aplicação móvel, para auxílio aos invisuais na escolha de ementa num restaurante, bem como o desenvolvimento de um portal WEB para gestão de ementas.

Turismo.jpg

    Os Hospitality Education Awards têm como objetivo reconhecer “o que há de melhor na formação e educação no Turismo em Portugal, e visa contribuir para a dignificação das profissões no setor, estimulando a melhoria da qualidade formativa e dando resposta às necessidades das empresas nacionais”.

   Os vencedores serão conhecidos na gala de entrega de prémios que acontece no dia 2 de julho de 2019 no Coliseu dos Recreios.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:58

CEI promove Curso de Verão

por Correio da Guarda, em 25.06.19

     O Centro de Estudos Ibéricos (CEI) vai promover, de 1 a 6 de julho,  a XIX Edição do Curso de Verão que será subordinada ao título genérico “Novas fronteiras, outros diálogos: cooperação e desenvolvimento”.

Curso de Verão - cartaz.jpg

    Este curso tem por objetivos incentivar o diálogo entre saberes, investigadores e parceiros do espaço ibérico, europeu, africano e latino-americano, afirmando como centro de transferência de conhecimento designadamente entre os países de língua portuguesa; identificar e valorizar os recursos do território, naturais e humanos, materiais e intangíveis, enquanto fatores críticos e estratégicos do desenvolvimento (património cultural, paisagem, cultura, etc.); analisar comparativamente dinâmicas económicas e sociais em diferentes contextos espaciais, estimulando a apresentação e o debate de programas, iniciativas e boas práticas que concorram para a coesão económica, social e territorial; valorizar o trabalho de campo como estratégia pedagógica e de promoção do património natural e cultural, sobretudo o localizado em geografias e contextos regionais mais remotos como são os do interior raiano.

   Os interessados podem obter mais informações aqui

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:17

Jornadas Ibéricas de Ortopedia

por Correio da Guarda, em 24.06.19

 

     Na Guarda vão decorrer no dia 28 de setembro as Jornadas Ibéricas de Ortopedia.  Nestas jornadas  vão estar presentes especialistas de renome na área da patologia de Tumores Osteoarticulares e Tecidos Moles.

    A primeira conferência, integrada nas Jornadas Ibéricas, contará  com a presença de Juan Blanco, Hospital Universitário de Salamanca, que falará sobre “Tratamento de Lesões Ósseas no Mielonoma”.

    O programa tem agendadas intervenções Pedro Cardoso (Hospital de Santo António), Ruben Fonseca e João Freitas (Centro Hospitalar Universitário de Coimbra), Paulo Bonito (IPO Porto),  Marta Hernandez (Hospital Universitário 12 de Octubre),  Eduardo Ortiz (Hospital Universitário La Paz), Victor Sanchez (Hospital Universitário de Valência) e Rodrigo Cardoso (HUGG da Universidade Federal do Rio de Janeiro).    

Jornadas Ortopedia.jpg

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:00

Castanheiro gigante de Guilhafonso

por Correio da Guarda, em 23.06.19

Castanheiro gigante de Guilhafonso - HS.jpg

    Castanheiro gigante. Guilhafonso (Guarda).

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01

Um roteiro pelo país real...

por Correio da Guarda, em 22.06.19

Cruzeiro - Fot Helder Sequeira.jpg

     “Ausência e Território: as aldeias da Serra, do Vale e da Meseta” foi o tema proposto para o roteiro fotográfico organizado, no passado sábado e domingo, pelo Centro de Estudos Ibéricos e Fotoclube da Guarda.

    Tratou-se, como foi referido, de um desafio envolto na paixão pela fotografia e orientado para a (re)descoberta de realidades tão próximas e tão longínquas; territórios de solidão, de ausência que foram berço de múltiplos percursos individuais, de sonhos e de aventura…

   Através da fotografia, “uma escrita tão forte porque pode ser lida em todo o mundo sem tradução”, na elucidativa expressão de Sebastião Salgado, os participantes centraram as suas objetivas em pormenores, rostos, arquitetura, artefactos, caminhos, solidão, religiosidade, tradições, paisagens, flora, patrimónios, afetos, ausências, sulcos do tempo, ou caprichos da natureza…

   Iniciativas como esta, se por um lado permitem um registo de realidades transversais às aldeias do interior, desertificado, envelhecido, por outro viabilizam a divulgação de múltiplos valores humanos, sociais e culturais que podem despertar consciências e incentivar esforços conducentes a medidas de valorização e revitalização de tantos lugares de memória.

   As imagens obtidas consubstanciam narrativas e olhares que se ampliam agora nas redes sociais ou em trabalhos fotográficos destinados a futuras exposições e publicações, servindo igualmente de relevante recolha documental.

   Para além disso, o envolvimento de pessoas oriundas de diferenciados locais perspetiva o desejo e o regresso de aprofundar o conhecimento de territórios, alargando esse entusiasmo a círculos pessoais ou profissionais; tanto mais que a hospitalidade beirã, a forma de estar e de ser das nossas gentes, cativa quem nos visita.

   A disponibilidade para esclarecer, orientar, guiar, mostrar o património local, alertar para pormenores arquitetónicos, sublinhar a tipicidade de habitações, a descrição de tradições e episódios intimamente ligados às comunidades locais foi uma nota comum às aldeias visitadas, num roteiro que percecionou outra dimensão do país, uma sólida matriz identitária, nossa.

   Vila Soeiro, Aldeia Viçosa (aldeias do Vale), Avelãs da Ribeira (aldeia da Meseta), Fernão Joanes e Videmonte (aldeias da Serra) balizaram um trajeto rico de imagens e emoções, num território que temos de salvaguardar, valorizar e divulgar, esbatendo ausências e abrindo caminhos para o futuro, através do contributo de todo, num empenho permanente e coletivo, liberto de calendários pessoais ou políticos. (Hélder Sequeira).

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:22

Novo livro de Pinharanda Gomes

por Correio da Guarda, em 21.06.19

 

LIVRO.jpg

     “Leonardina – Estudos acerca de Leonardo Coimbra” é o título do novo livro de Jesué Pinharanda Gomes.

   Este novo trabalho será apresentado no próximo dia 25 de junho, pelas 17h30, no auditório da Fundação Engº António de Almeida, Porto. A apresentação do livro estará a cargo de José Esteves Pereira e antecederá uma “Tertúlia Leonardina” com a participação de estudiosos de Leonardo Coimbra, nomeadamente Susana Rocha Relvas, Nuno Ornelas Martins, Carlos Moreira e Francisco de Oliveira. Vai estar patente uma mostra bibliográfica de Pinharanda Gomes, natural de Quadrazais (Sabugal) e figura incontornável da cultura portuguesa.

   No conjunto vasto de títulos publicados por Pinharanda Gomes avultam três áreas: os contributos na História da Filosofia; as monografias da história da Igreja e os estudos regionais; tem-se afirmado um defensor convicto, e incansável, do nosso património histórico-cultural e outrossim dos valores humanos, mormente desta zona raiana. “Sentimos quanto é longo o dever de um homem dar contas públicas do muito ou do pouco que lhe foi possível realizar pela valorização do seu património, isto é, das coisas da sua terra natal”.  No Sabugal funciona o Centro de Estudos Pinharanda Gomes onde está reunido todo a acervo documental particular que o autor doou à Câmara Municipal do Sabugal, bem como cerca de 3 500 opúsculos e volumes sobre temáticas diversas.

  Pinharanda Gomes, é sócio fundador do Instituto de Filosofia Luso-Brasileira e membro correspondente eleito da Academia Internacional da Cultura Portuguesa e da Academia Portuguesa de História; em março de 2018 recebeu o grau de Doutor Honoris Causa pela Universidade da Beira Interior. (H.S.)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:11

Jovem guardense participa em vídeo de Madonna

por Correio da Guarda, em 20.06.19

 

Catarina Flor 3 -A - HS.jpg

Catarina Flor é uma jovem guardense de quem já falamos anteriormente, pelo seu trabalho ao nível da fotografia e de projetos na área do multimédia. Recentemente esteve em destaque pela sua participação no vídeo clip do tema “Dark Ballet” de Madonna, que integra o álbum “Madame X”.

Ao Correio da Guarda, Catarina Flor falou sobre esta nova experiência.

 

Como surgiu esta participação no vídeo clip?

O amor pela representação começou desde cedo. Comecei por fazer teatro amador, workshop de representação e após terminar a licenciatura em artes plásticas e multimédia, uma pós-graduação em ilustração.

Mesmo assim senti que ainda não me estava completa, como se faltasse um pedaço de mim, após uma introspeção, apercebi-me que era uma vontade em estar mais presente no mundo da representação.

Decidi então tentar a minha sorte e inscrever-me em agências de modelos que tivessem a variante comercial ou acting, admito que senti algum receio porque não me enquadro nos critérios de modelo devido a minha altura, mas como a minha mãe diz “o não é garantido” e se assim o era não perdia nada em tentar.

Assim enviei para algumas agências de renome e acabei por me levar pela emoção, começando por procurar na internet outras que não eram assim tão conhecidas. Qual o meu espanto, no dia seguinte tive uma resposta de uma agência do Porto que queria que estivesse presente para um casting presencial, e que tinha de ser o mais rápido possível porque havia um casting para os morangos com açúcar e eles queriam que eu participasse.

Fui logo no dia seguinte. Quando cheguei começaram por me encher de elogios, quiseram saber mais sobre mim e sobre a profissão dos meus pais, mostraram-me os anuncio que alguns agenciados já tinham feito, e eu claro fiquei maravilhada, após tantas coisas positivas disseram-me o seguinte “nota-se que és uma rapariga inteligente, como deves calcular existe um preço para isto, para te fazermos um book, maquilhagem e essas coisas” (sic), quando me mostraram a tabela de preços o meu rosto gelou: no mínimo tinha que pagar 600€ só pelo book! Tentei falar com eles e explicar-lhes que esse orçamento era muito elevado, insistiram comigo, disseram-me que se não pagasse naquele dia que já não podia ir ao casting dos “Morangos com Açúcar”.

Pediram-me para ligar aos meus pais para lhes pedir opinião, senti-me tão dormente que acabei por telefonar e perguntar o que achavam, felizmente os meus pais estavam mais conscientes que eu e disseram para eu pensar bem, se eu não achava estranho, e foi aí que percebi que estava a ser engolida por uma estratégia de marketing.

Após desligar a chamada disse-lhes que os meus pais também não concordavam com o preço, disseram-me que eles não estavam a pensar bem no rendimento que eu ia ter, agradeci-lhes e vim embora, senti-me despedaçada. Liguei a uma amiga que está a trabalhar com uma agência e perguntei-lhe se era normal o que me tinha acontecido e ela respondeu-me que nenhuma agência a sério pede dinheiro pelo book fotográfico, senti-me enganada mas feliz por não ter caído na “teia”.

Passado uma semana a Elite Lisbon contactou-me e disse-me para ir a um Casting presencial e mencionou que o meu agenciamento não iria ter qualquer custo, e assim começou toda esta jornada.

Após o agenciamento na Elite comecei a ser proposta para castings, e foi assim que se proporcionou a participação no vídeo-clip, mas não soube de que cantora se tratava até ao próprio dia, foi uma experiência mágica, senti que era surreal estar a trabalhar com uma das maiores estrelas pop do mundo.

O que representou, para ti, participares neste trabalho?

Participar num trabalho de tão grande dimensão e com tão bons profissionais significou muito para mim, não só a nível profissional como a nível pessoal, não sou por norma uma pessoa muito confiante, as vezes ate sinto que sou um pouco pessimista comigo mesma, mas admito que senti um grande orgulho próprio.

Foi uma grande prova que devemos acreditar mais em nós próprios e no nosso potencial, é uma sensação muito gratificante ver o nosso trabalho ser valorizado por uma identidade de tão grande renome, não há impossíveis e esse momento foi uma prova disso.

Catarina Flor - Video Clip.png

Gostas de aceitar, sempre, novos desafios?

Sinceramente gosto muito de sentir que me estou a por fora da zona de conforto, gosto porque sinto que estou a evoluir e é por isso que me faz sentir desconfortável, não é fácil nos sujeitarmos a castings, sermos avaliados em 5-10 minutos e mostrarmos todo o nosso talento em tão curto tempo, mas sinto sempre que devo ir aos castings, mesmo que não fique com o papel pelo menos na minha consciência sei que tentei.E a sensação de ficar com o papel é como uma luz no coração!

Quais as tuas prioridades atuais?

As minhas prioridades atuais são conseguir conciliar a parte da representação e a parte de ilustração pois as duas completam-me e se me foco só numa das áreas sinto sempre que estou em falta com a outra, necessito de um equilíbrio entre as duas partes, e principalmente de estar sempre em evolução com as mesmas.

E quanto a projetos para o futuro?

É uma pergunta engraçada, gosto muito da filosofia Carpe Diem, e evito pensar muito no futuro, mas sei que vou continuar na luta para encontrar o meu lugar no mundo da representação e da ilustração e dar sempre o melhor de mim, e ser feliz.

Catarina Flor - 4 - HS.jpg

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:07

Identificação de aves

por Correio da Guarda, em 19.06.19

 

     No concelho de Fornos de Algodres, vai ter lugar, nos próximos dias 20 e 21 de junho, nos dias uma ação de formação a todos que querem conhecer as nossas aves selvagens e contribuir para projetos de ciência-cidadã.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:56

Pág. 1/3



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

Contacto:

correiodaguarda@sapo.pt correio.da.guarda@gmail.com



Google +


Referenciar citações

Protected by Copyscape Website Copyright Protection