Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Suporte Avançado de Vida

por Correio da Guarda, em 28.02.19

 

     A Unidade Local de Saúde da Guarda foi acreditada pelo Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) para a realização de acões de formação em Suporte Avançado de Vida.

    "Após um longo período de trabalho, para cumprimento de todos os requisitos exigidos no processo, entre a Unidade de Formação da ULS da Guarda, o INEM e os Formadores, foi atingido mais um objetivo de relevante interesse para a Instituição e para os profissionais na área da emergência médica." Refere uma nota divulgada pela Administração da ULSG.

   Esta acreditação é válida, durante 5 anos.

Logotipo para EA.png

 

 

A

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:40

Pousada integra Plano Nacional de Alojamento

por Correio da Guarda, em 27.02.19

Guarda - Pousada da Juventude.jpg

     O edifício da Pousada da Juventude da Guarda, localizada na Avenida Alexandre Herculano, integra o Plano Nacional de Alojamento Estudantil. O imóvel faz, assim,  parte da lista de edifícios destinados a receber estudantes do ensino superior.

    A criação de novos alojamentos, neste caso, é feita através da afetação Fundo Nacional de Reabilitação do Edificado. De acordo com o preâmbulo do Decreto-Lei n.º 30/2019, ontem publicado em Diário da República, esta orientação surge no contexto Plano Nacional de Alojamento para o Ensino Superior, "assente nos princípios e missão da Nova Geração de Políticas de Habitação".

    O  decreto-lei atrás refeido aprova o plano de intervenção para a requalificação e construção de residências de estudantes, "tendo por base as necessidades dos estudantes das instituições de ensino superior e respeitando a sua distribuição por todo o território nacional."

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:32

Reflorestação em Vide

por Correio da Guarda, em 26.02.19

 

     O Movimento de Cidadãos por uma Estrela Viva promove no sábado, dia 2 de março, mais uma ação de reflorestação na freguesia de Vide, Seia. A concentração está agendada para as 14h30, no Largo da Feira.

   Ao longo da tarde, está prevista a plantação entre 400 a 500 medronheiros e quase uma centena de sobreiros numa das encostas sobranceiras à aldeia. Serão ainda entregues cerca de uma centena de freixose 150 carvalhos alvarinho a uma comunidade local e ao CISE, respetivamente, para plantação em data posterior. No final, haverá lanche comunitário na sede da União de Freguesias de Vide e Cabeça.

    A freguesia da Vide, situada no vale da Ribeira de Alvoco (limite sul do concelho de Seia), na transição da Serra da Estrela para a Serra do Açor, é a freguesia mais afastada da sede de Concelho e por isso sujeita a forte isolamento. Ocupa uma vasta área (é a maior freguesia do Concelho de Seia) e, apesar da sua importância histórica (chegou a ser sede de concelho), tem vindo aperder população a ritmo acelerado ao longo das últimas décadas.

   Dos mais de 3 000 habitantes na década de 50, não restam hoje mais de 200. A este declínio não é alheia a substituição de uma economia rural baseada na produção agro-pecuária tradicional (oliveira, milho, centeio, batata) e na exploração da floresta nativa (castanheiro, sobreiro e azinheira – árvores originais, entretanto praticamente desaparecidas – mas também medronho e cogumelos) por uma economia baseada na monocultura de pinheiro bravo (para madeira e resina): o pinheiro bravo, que rapidamente se tornou a espécie dominante, tem entretanto vindo a ser severamente afectado por pragas (como o nemátodo) e, principalmente, pelo flagelo dosincêndios florestais (incluindo o de 2017) que assolam recorrentemente a região, deixando as encostas despidas, vulneráveis à erosãoe ao repovoamento selvagem e desordenado por espécies invasoras e de fraco valor económico.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:49

Estrada nacional...

por Correio da Guarda, em 24.02.19

Estrada Nacional - HS.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:49

Feira do Fumeiro e dos Sabores em Trancoso.

por Correio da Guarda, em 23.02.19

 

     Em Trancoso vão decorrer, no no primeiro e segundo fim-de-semana de março,  a XVI Feira do Fumeiro, dos Sabores e do Artesanato e XII Festival Gastronómico designado “Gastronomia com Tradição”.

    Trata-se de uma organização da Câmara Municipal de Trancoso e da AENEBEIRA que conta com 70 expositores confirmados 

    A Feira aposta essencialmente numa vertente comercial, onde se irão efetuam importantes transações, e cultural, com animação constante durante os cinco dias de feira, com atuações de Associações Sociais e Recreativas, grupos de concertinas, bombos, ranchos folclóricos e vários grupos do concelho e da região.

  O certame, considerado um marco no concelho e na região, aposta na divulgação e promoção dos produtos endógenos e produtores regionais, contribuindo assim para fortalecer o setor.

Fumeiros de Trancoso.jpg

     Foto: CMTrancoso

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:22

A propósito do Colégio do Sabugal

por Correio da Guarda, em 22.02.19

Imagem do Colégio Sabugal polaroid.jpg

     O XIII Encontro de Antigos Alunos, Professores e Funcionários do Externato Secundário do Sabugal (ESS) vai realizar-se, naquela cidade, no próximo dia 25 de maio.

    Como foi divulgado recentemente, a iniciativa – à semelhança do que tem acontecido em encontros anteriores – assume-se como interação entre antigos alunos, ex-docentes e ex-funcionários, tempo de convívio, partilha de memórias

    O Externato Secundário do Sabugal, que funcionou até 1986, foi dirigido desde 1955 por José Diamantino dos Santos, igualmente professor e proprietário daquele estabelecimento de ensino, onde estudaram milhares de jovens de sucessivas gerações.

    Embora as instituições possam evidenciar projetos e pessoas, também é certo que estas últimas contribuem, em larga medida, para a sua afirmação; foi o que aconteceu com o impulsionador e obreiro do Externato Secundário do Sabugal.

    José Diamantino dos Santos nasceu no Freixial (concelho do Fundão) em 1930; frequentou a escola primária de Vilar Maior (Sabugal) e depois de uma passagem pelo Seminário Menor de Beja e pelo Seminário Maior dos Olivais terminaria os seus estudos na Universidade de Salamanca.

Dr. José Diamantino dos Santos.jpg

    Regressado ao Sabugal (onde viria a ter uma ativa intervenção na vida política e social, ao longo de décadas) empenhou-se em erguer ali um projeto formativo, pedagógico e cultural; simultaneamente um espaço de convívio, prática desportiva, de permanente acompanhamento dos alunos, quer dos residentes na sede do concelho, quer de todos quantos diariamente se deslocavam das suas aldeias.

   Emblemática instituição daquele concelho, o Externato Secundário do Sabugal possibilitou a sequências dos estudos a um elevado número de jovens que, por motivos diversificados – mormente de ordem económica – não tinham ao seu alcance a opção por outros centros urbanos; aliavam, na frequência deste estabelecimento de ensino, a vantagem de não ficarem afastados das suas famílias e terras de origem.

    Num concelho fortemente marcado, nessas décadas, pela emigração, muitos dos alunos podiam ter desta forma o acompanhamento direto por parte dos seus familiares (avós, tios, etc.) que continuaram a residir nesta região raiana, travando o despovoamento, resistindo estoicamente às dificuldades de um interior ostracizado e longínquo dos centros de decisão, mantendo vivências e tradições, salvaguardando traços identitários.

   O Colégio do Sabugal, como era também designada esta instituição de ensino secundário, consolidou a preparação dos seus alunos para novas fases de formação académica e outrossim para a vida, imprimindo-lhe a sua matriz, independentemente das opções posteriores, dos rumos profissionais seguidos, das diferentes escolhas geográficas para trabalharem.

    Este encontro, dinamizado anualmente por sucessivas comissões de diferentes escalões etários, não se resume, contudo, ao momento festivo ou ao ritual de um assumido compromisso de calendário; é uma homenagem a quem soube guindar um projeto formativo e cultural, a quantos transmitiram o seu saber e alicerçaram a atividade letiva, é o reconhecimento do importante papel da referida instituição no desenvolvimento do tecido comercial e no incremento da economia local e concelhia; é também tempo de reencontro.

   Como escreveu Vergílio Ferreira, “o que mais importa não é o novo que se vê mas o que se vê de novo no que já tínhamos visto”.

   Encontros desta natureza, para além da importância que assumem enquanto iniciativa de festejo da amizade e reforço de laços afetivos, representam igualmente uma proposta de reflexão em torno da necessidade de um estudo sobre a história dos estabelecimentos de ensino desta região do interior; dos existentes e sobretudo daqueles que existiram...para memória futura. (Helder Sequeira)

 

     In O Interior, 21 fev 2019

 

    

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:05

Na Guarda da memória...Taberna do Benfica

por Correio da Guarda, em 21.02.19

Taberna do Benfica - HS.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:22

Fotos de Miguel Silva no TMG

por Correio da Guarda, em 20.02.19

 

     “Guarda Mulher” e “Mulheres com Alma”, do fotojornalista Miguel Silva, são as temáticas das exposições que vão estar patentes, a partir de 23 de fevereiro, na Galeria de Arte do Teatro Municipal da Guarda.

    "O território da Guarda, seja ele concelho ou distrito, é detentor de um vastíssimo património, natural, arquitetónico e cultural, que se tem vindo a destacar ao nível turístico, atraindo cada vez mais apreciadores de novas experiências, onde o contacto com a comunidade e suas tradições é fator de atração. É, portanto, imperativo a aposta, por parte dos agentes locais, na preservação e potencialização deste valioso património, perpetuando de igual modo a memória coletiva das gentes e das comunidades. " Refere uma nota da Câmara Municipal a propósito desta iniciativa.

    A exposição “Guarda Mulher” e “Mulheres com Alma” enquadra-se na estratégia definida pelo Municipio da Guarda, "para a valorização do melhor do nosso património, as pessoas". Integrada no quadro de cooperação intermunicipal, que se definiu recentemente no âmbito da candidatura “Guarda 2027 – Candidata a Capital Europeia da Cultura”, a presente exposição une os concelhos de  Guarda e Pinhel, através da figura feminina e tudo o que ela representa. "Mulheres anónimas, mães, avós, rostos de vidas simples e que carregam experiências de vida nem sempre fáceis. Mulheres do campo, com mãos cheias de estórias e de sorrisos largos, que guardam na memória saberes de um valioso património cultural."

   Assim é prestada uma  "simbólica homenagem, através da linguagem fotográfica, a 70 mulheres: 27 mulheres de Pinhel e 43 mulheres da Guarda. Uma mulher por cada freguesia."

   Miguel Silva, fotojornalista natural de Lisboa, apresenta um trabalho de 70 retratos e o mesmo número de estórias, contadas "na primeira pessoa, de saberes e tradições, de dificuldades e lutas diárias, de risos e lágrimas, de quem tem saudades de tudo ou de nada".

    A presente exposição poderá ser visitada de 23 de fevereiro a 27 de abril. A entrada é livre.

Miguel Silva.jpg

     Fotos: Miguel Silva

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:12

Prémio Eduardo Lourenço

por Correio da Guarda, em 19.02.19

 

    As candidaturas à décima quinta edição do Prémio Eduardo Lourenço estão abertas até ao próximo dia 4 de abril.

   Este galardão foi instituído pelo Centro de Estudos Ibéricos (CEI), com sede na Guarda, para  premiar personalidades ou instituições com intervenção relevante no âmbito da cultura, cidadania e cooperação ibéricas. Os interessados podem obter mais informações aqui.

Prémio EL.jpg

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:00

Hospital Sousa Martins

por Correio da Guarda, em 18.02.19

Hospital Sousa Martins 2019 - HS.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:55

Pág. 1/3



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

Contacto:

correiodaguarda@sapo.pt correio.da.guarda@gmail.com



Google +