Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Dia Mundial da Fibromialgia

por Correio da Guarda, em 12.05.13

 

     As III Jornadas de Fibromialgia, realizadas ontem nos Açores abriram o programa comemorativo do Dia Mundial da Fibromialgia, que é hoje assinalado, e igualmente o décimo aniversário da MYOS.

    Tratou-se de uma iniciativa da MYOS- Associação Nacional Contra a Fibromialgia e Síndrome de Fadiga Crónica. As III Jornadas decorreram no Auditório do Ramo Grande, na Praia da Vitória, subordinadas ao tema “Fibromialgia – abordagem multidisciplinar”.

    “O que é a Fibromialgia? - Dificuldade no diagnóstico”, (Drª Ana Rodrigues), “Tratamento da dor na Fibromialgia” (Dra. Sofia Tibério) e “A intervenção da Medicina Física e de Reabilitação na Fibromialgia” (Dra. Ana Santos) foram os temas abordados no período da manhã.

    No período da tarde falou-se de “Fisioterapia em doentes com Fibromialgia” (Dra. Carmelo Corvelo Toste), a que se seguem os temas “A aplicação de Terapêuticas não-convencionais no tratamento da Fibromialgia” (Dr. Carlos Carvalho), “O Poder das emoções positivas face à Fibromialgia” (Dr. Pedro Mackay), “Nutrientes. Que efeitos têm na fibromialgia? (Dra. Andreia Aguiar) e “Aspetos farmacológicos no tratamento da Fibromialgia” (Dra. Maria Manuel Morão).

    A 12 de Maio é assinalado o Dia Mundial da Fibromialgia e igualmente o décimo aniversário da MYOS-Associação Nacional Contra a Fibromialgia e Síndrome de Fadiga.

    A MYOS, com sede em Lisboa, é uma associação não médica, sem fins lucrativos, para a defesa do doente e para o desenvolvimento do conhecimento dos doentes, técnicos de saúde e do público em geral acerca da Fibromialgia e da Síndrome da Fadiga Crónica.

    No seu sítio na Internet (www.myos.com.pt) esta associação disponibiliza um conjunto de informações e contactos para os doentes e interessados.

    A Fibromialgia é uma doença reumática de causa desconhecida e natureza funcional, que origina dores generalizadas nos tecidos moles, sejam músculos, ligamentos ou tendões mas não afetam as articulações ou os ossos.

    A dor causada pela Fibromialgia é acompanhada de alterações quantitativas e qualitativas do sono, fadiga, cefaleias e alterações cognitivas, por exemplo, perda de memória e dificuldade de concentração, irritabilidade e, em cerca de um terço dos casos, apenas depressão, entre outros sintomas.

“    As causas desta doença – que podem ser várias – não estão ainda bem claras e continuam a ser investigadas. Há, no entanto, factores precipitantes que podem agravar-se, como o stress, esforços excessivos, humidade, frio, etc.

    Em muitos casos a doença pode iniciar-se após factos pontuais, como infecções víricas ou bacterianas”, refere a médica guardense Cristina Fidalgo Sequeira, Presidente da Direcção da MYOS. “Os estudos para averiguar as causas da fibromialgia prosseguem e pode dizer-se que não há ainda uma etiologia exacta”, acrescenta.

    Esta doença afecta mais as mulheres do que os homens e inicia-se entre os 20 e os 50 anos, no entanto as crianças e os jovens também podem sofrer de fibromialgia; em idade escolar a frequência é igual em ambos os sexos.

    Por vezes a palavra síndrome é utilizada em vez de doença; isto acontece pelo facto de se tratar de uma reunião de sinais e sintomas que ocorrem em conjunto. Trata-se de algo que afecta inúmeras partes do corpo e, à primeira vista, pode até parecer que não existe interligação entre os vários sintomas; daí, por vezes, a dificuldade em diagnosticar esta enfermidade.

    Os sintomas da Fibromialgia são, com muita frequência, partilhados pelo Síndrome de Fadiga Crónica (SFC), classificado pela Organização Mundial de Saúde na categoria de doenças do sistema nervoso, ao passo que a primeira foi incluída na categoria de doença reumática, em 1992.

    Além dos sintomas que os doentes sentem quotidianamente, estas doenças podem ter consequências graves na vida social, profissional e familiar. Em certos casos o doente pode deixar de conseguir ter uma vida social e profissional regular; por outro lado as doenças afectam também bastante a família e o ciclo de amigos pois a pessoa deixa de conseguir realizar tarefas que antes tomava por garantidas.

    Aludindo ao Dia Mundial da Fibromialgia, que se assinala a 12 de Maio, Cristina Fidalgo Sequeira considera que embora nesta data se dê particular realce à patologia em questão” a fibromialgia “deve estar diariamente presente nas preocupações dos doentes, dos profissionais de saúde e das entidades directa ou indirectamente envolvidas no seu acompanhamento e tratamento”.

    Para a Presidente da MYOS, “assinalar o Dia Mundial da Fibromialgia é suscitar a atenção do maior número de pessoas para esta realidade, para a realidade dos doentes atingidos por esta doença que, em tantos casos, não são compreendidos nos seus locais de trabalho, por parte de amigos e mesmo de familiares; é também lançar o repto para o avanço da investigação quer relativamente às causas desta patologia, quer na procura de tratamentos mais eficazes e ao alcance da generalidade dos pacientes”.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01

Aves

por Correio da Guarda, em 11.05.13

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:28

Guarda debate a qualidade do ar

por Correio da Guarda, em 09.05.13

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:47

Jornadas sobre Fibromialgia

por Correio da Guarda, em 07.05.13

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:02

Concurso de Fotografia

por Correio da Guarda, em 06.05.13

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01

Zincogravuras

por Correio da Guarda, em 05.05.13

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:06

Estudo sobre Judeus

por Correio da Guarda, em 04.05.13

 

     A Quinta do Crestelo, em Seia, está a patrocinar um estudo, investigação e inventariação da herança judaica e seus sinais no concelho de Seia

    Este estudo está a ser desenvolvido por uma equipa de trabalho que integra Alberto Martinho, professor e sociólogo/antropólogo e Luiza Metzker Lyra, entre outros.

    No âmbito deste trabalho a freguesia de Santa Marinha surge em destaque pelo seu elevado conjunto de sinais, marcas e cruciformes atribuídos aos Judeus/Cristãos-novos que nesta região se dedicaram sobretudo ao comércio, mesteirais e ofícios sobretudo ligados à lã e tecelagem, mas também "viviam de sua fazenda".

    Antiga vila medieval e sede de concelho extinto na reforça administrativa do século XIX, SANTA MARINHA revela-se surpreendente neste campo, tendo em conta a diversa tipologia de inscrições e pelas noticias que ainda permanecem na memória local da presença da comunidade hebraica com "seus saberes e cabedais".

    Não obedecendo aquilo que na generalidade das localidades onde terão existidos Judiarias, comunas ou famílias judias com as casas de "porta larga e outra estreita", alias o que era comum para judeus e não judeus comerciantes ou mestres de ofício, em Santa Marinha essa tipologia arquitectónica é variável, notando contudo a dupla funcionalidade das casas, para residência, para arrecadação e loja/oficina e em alguns casos pátio.

    Numa das casas, de raiz medieval, é possível ver um armário que é tido ou conhecido como sendo um "Hekhal" ou "Aron Ha-Kodesh (em Askenazi) " onde se guardavam os rolos da Torah ou onde eram colocadas as candeias sobretudo em Shabbat. Está virado a oriente, como é obrigatório nestes casos. Este edifício possui diversos cruciformes e outras marcas. 

    Interessante não deixa de ser o pentagrama e cruciformes associados numa das casas existentes no lugar de Casal de Santa Marinha.

Nesta investigação foi importante a colaboração de Armando Ribeiro Vale, serralheiro que tem raízes em Povoa do Concelho e que guarda em si memórias de um passado judaico íntimo que quer desenvolver e dar a conhecer.

    Este potencial de sinais e marcas, arquitectura e património construído em que se incluem solares, espaços públicos, o Pelourinho e o edifício da antiga Câmara e Cadeia, as pontes romanas, estradas romano-medievais, a paisagem serrana, as pessoas constituem, no seus conjunto, um potencial para o desenvolvimento de iniciativas culturais e turísticas capazes de atrair gentes ávidas de conhecer algo diferente num Portugal interior, em plena Beira Serra.

     Santa Marinha foi vila e sede de concelho, em Julho de 1150 recebeu o seu primeiro foral, o segundo foi concedido por D. Manuel I em Lisboa a 15 de Maio de 1514. O concelho foi extinto em 1836. Fez parte do arcediagado de Seia, o qual transitou da Diocese de Coimbra para a Diocese da Guarda em 1882.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:27

Concurso de Fotografia

por Correio da Guarda, em 03.05.13

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:22

Jornadas sobre Tecnologia e saúde

por Correio da Guarda, em 02.05.13

 

     O Instituto Politécnico da Guarda (IPG) vai promover amanhã, 3 de Maio, as VI Jornadas Nacionais sobre Tecnologia e Saúde.

     O programa inicia-se, pelas 9h30, com a sessão de abertura, seguindo a conferência inaugural “Estabilidade, Simplicidade e Inovação“, a proferir pelo cientista Carvalho Rodrigues.

    “Inovação e ganhos em Saúde” (Ana Poças), “Investigação da qualidade química e biológica do ar da Guarda” (Inês Lisboa, Pedro Rodrigues),  “Qualidade de conteúdos e serviços em sítios Web de saúde”, Álvaro Rocha), “Sistema de Arquivo e Comunicação de Imagens da Beira Interior” (Ricardo Santos ); “Interactions Checker: uma ferramenta útil da deteção das potenciais interações entre medicamentos e plantas” (Sandra Ventura) e “Ensinar Enfermagem de Família através de um jogo” (Carla Fernandes) são os temas das comunicações agendadas para o período da manhã.

    Na parte da tarde os trabalhos recomeçam pelas 14h30, estando previstas comunicações como “Inovação no tratamento da Hérnia Inguinal”( Augusto Lourenço), "Biomateriais Poliméricos na Engenharia de Tecidos" (João Mano); “Characterization of Nanomedicines Uptake and Intracellular Trafficking in Cancer Cells“ (Vitor Gaspar) e “Dextran-based hydrogel containing chitosan microparticles loaded with growth factors to be used in wound healing” (M.P. Ribeiro).

   Pelas 16 horas terá inicio um painel subordinado ao tema “Tecnologia e Saúde na Beira Interior” que contará com intervenções do Presidente do Conselho de Administração da ULS da Guarda, Vasco Lino, e do Presidente do Conselho de Administração do Centro Hospital da Cova da Beira, Miguel Castelo Branco, entre outras personalidades.

    O programa integra ainda um espaço para apresentação de posters, no âmbito da temática geral destas jornadas que, como salientou a Comissão Executiva, pretendem divulgar os mais recentes projetos na área da tecnologia aplicada à saúde e aprofundar o diálogo entre investigadores e profissionais/estruturas de saúde (médicos, enfermeiros, técnicos, profissionais e estudantes das áreas da saúde e da tecnologia).

    Mais informações aqui.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:21

Toponímia em debate

por Correio da Guarda, em 01.05.13

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:56

Pág. 3/3



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

Contacto:

correiodaguarda@sapo.pt correio.da.guarda@gmail.com



Google +