Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A longevidade de um programa de Rádio

por Correio da Guarda, em 22.02.10

 

Há trinta e sete anos começou a ser irradiado, a partir da Guarda, aquele que é, actualmente, o mais antigo programa radiofónico dedicado ao mundo automóvel e outrossim à segurança rodoviária.
O “Escape Livre”, sendo um programa emblemático da Rádio Altitude (estação a que regressou dia 15 de Fevereiro de 2006), é também um original exemplo de longevidade no panorama da rádio portuguesa, sublinhando, pela positiva, as duas estações onde teve lugar a sua emissão.
Como marca credenciada por um trabalho constante, iniciativas diversificadas e pela determinação em apresentar um produto radiofónico com qualidade, o “Escape Livre” associou – e bem – desde a primeira hora uma faceta que não fica subalternizada aos objectivos do programa; é que constituiu, desde logo, um canal aberto para o conhecimento da Guarda e da região.
A própria rádio onde nasceu, se era já um marco incontornável no espectro radiofónico de Portugal, acentuou a sua projecção através de um espaço informativo/formativo onde foi visível uma percepção lúcida da evolução de um sector e das problemáticas que lhe estavam associadas; aliás, ao longo destes trinta e três anos as inúmeras realizações, e os resultados alcançados, são suficientemente eloquentes.
Contudo, a Guarda tem beneficiado igualmente do trabalho desenvolvido pelas equipas que têm produzido este programa de rádio e as quais deram, igualmente, corpo a um Clube que recebeu o mesmo nome.
Hoje, com as distâncias esbatidas pelas novas rodovias e igualmente pelas tecnologias da informação, a produção de um programa radiofónico com estas características pode estar facilitada mas se reflectirmos nas dificuldades existentes ao longo de muitos anos – com as limitações técnicas da altura, na época das emissões restritas à onda média – teremos de concluir que foi precisa muita paixão, esforço e saber para guindar o EL até ao presente; por detrás dos sons confinados ao horário de emissão ficam muitas horas de trabalho, que escapam, obviamente, aos ouvintes.
 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:54



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

Contacto:

correiodaguarda@sapo.pt correio.da.guarda@gmail.com



Google +